Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Alagoas deve receber R$ 25 mi em ajuda nesta quinta

O estado de Alagoas deve receber nesta quinta-feira os 25 milhões de reais destinados à reconstrução das cidades atingidas pelas enchentes, provocadas em decorrência das fortes chuvas da semana passada. A informação foi confirmada na quarta pela secretária Nacional da Defesa Civil, Ivone Valente, durante entrevista coletiva no estado, segundo a Agência Alagoas, órgão oficial de notícias do governo.

Segundo números da Defesa Civil, já foram confirmadas 29 mortes no estado. Além disso, 24.861 edificação ficaram destruídas. Alagoas soma 26.141 desabrigados – aqueles que perderam tudo e precisam dos abrigos públicos. A cidade de Branquinha registra 850 edificações destruídas e Murici, 855. São pelo menos oito cidades, das 26 afetadas em Alagoas, que demandam maior cuidado.

De acordo com a Agência Alagoas, já foi restabelecido o serviço em 40% das linhas de alta tensão de energia elétrica. Nas próximas 48 horas, as empresas responsáveis pela energia devem chegar a 100%. Os serviços de comunicação também estão se restabelecendo, mas apenas uma das empresas de telecomunicações já voltou com seu serviço em 100%. Para auxiliar na comunicação em Alagoas, dez rádios-amadores estão sendo úteis para facilitar o acesso e a identificação das vítimas.

Rodovias – Segundo dados do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), o trecho da BR-101 que liga os Estados de Alagoas e Pernambuco, e foi fortemente danificado em cerca de 80 quilômetros, já está em fase de reconstrução, com algumas limitações para o tráfego de cargas e veículos pesados em determinados trechos.

O Dnit divulgou ainda o número geral de 69 pontes destruídas, sendo que uma delas, a do Rio Una, em Pernambuco, deve demorar cerca de 180 dias para ser reconstruída. As demais já estão em fase de reconstrução e devem ficar prontas em menos tempo, segundo a secretária da Defesa Civil, que citou também a utilização de pontes móveis do Exército.

(Com Agência Estado)