Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ele escreve “Getulho”, “expoliação” e “opróbio”, entre outras barbaridades, mas vai presidir uma instituição de cultura

Emir Sader, aquele que “fusila“ o bom senso e que Dilma pode nomear para presidir a Fundação Casa de Rui Barbosa, já cometeu atrocidades maiores. De todos os seus analfabetismos, nenhum supera “Getulho Vargas”, acho eu, assim mesmo, com “lh”. Afinal, eis aí um brasileiro que se tornou um dos “Vultos de Nossa História”  — […]

Emir Sader, aquele que fusila o bom senso e que Dilma pode nomear para presidir a Fundação Casa de Rui Barbosa, já cometeu atrocidades maiores. De todos os seus analfabetismos, nenhum supera Getulho Vargas”, acho eu, assim mesmo, com “lh”. Afinal, eis aí um brasileiro que se tornou um dos “Vultos de Nossa História”  — eu tinha um livrão com esse nome, que ganhei ainda criança. Lia as biografias com enorme interesse.

Sader, um marxista que tem todos os pés muito fincados no chão, é íntimo da literatura política da espoliação, certo? Isso não o impediu de cravar expoliação em uma de suas catilinárias esquerdofrênicas. Num manifesto contra um político que ele considerava “reacionário”, acusou o outro de opróbio. Certamente “opróbrio” lhe pareceu um erro imperdoável.

Não há esquerdista que desconheça Noam Chomsky, certo? Talvez Emir, daí ter grafado o nome do homem com “i”: Chomski. Recentemente, reclamando de uma personagem política da oposição que havia feito um ensaio fotográfico, esse gênio da raça a acusou de pousar para fotografias.

Estou pegando no pé deste grande intelectual da resistência? Acho que não! Se Dilma o tivesse nomeado para o Ministério da Pesca, no lugar de Ideli Salvatti, tudo bem! Não saber a diferença entre Chomsky e um pirarucu seria até uma sorte para o pirarucu. Mas Sader vai assumir um posto numa instituição voltada para a cultura, onde terá funções executivas.

Querem saber? Tiririca na Comissão de Educação da Câmara faz muito mais sentido. Falo sério. Ele não deixa, à sua maneira, de representar milhões de brasileiros. Pode até dizer que está lá para tentar garantir a outros o que ele próprio não teve e tal (olhem o meu otimismo). Não é o caso de Emir! Ele está muito abaixo do analfabetismo médio dos nossos intelectuais de esquerda! E para que fique claro:  a sua ortografia ideológica é ainda mais errada!

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s