Clique e assine a partir de 9,90/mês
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Bruno Covas transfere título e fala como pré-candidato à Prefeitura de SP

Abaixo, há trecho de uma reportagem de Daiene Cardoso, da Agência Estado, sobre a pré-candidatura do deputado estadual Bruno Covas (PSDB) à Prefeitura de São Paulo (mais aqui). Comento no próximo post. * O secretário de Meio Ambiente do Estado e deputado estadual mais votado em São Paulo, Bruno Covas, oficializou hoje sua pré-candidatura à […]

Por Reinaldo Azevedo - Atualizado em 31 jul 2020, 10h39 - Publicado em 26 set 2011, 19h09

Abaixo, há trecho de uma reportagem de Daiene Cardoso, da Agência Estado, sobre a pré-candidatura do deputado estadual Bruno Covas (PSDB) à Prefeitura de São Paulo (mais aqui). Comento no próximo post.

*
O secretário de Meio Ambiente do Estado e deputado estadual mais votado em São Paulo, Bruno Covas, oficializou hoje sua pré-candidatura à Prefeitura da capital paulista pelo PSDB. Em evento lotado de militantes no diretório estadual do partido, o secretário anunciou que transferiu o seu domicílio eleitoral de Santos para a capital paulista na última sexta-feira e que vai disputar indicação da sigla em prévias com os pré-candidatos Ricardo Trípoli (deputado federal), o secretário estadual de Cultura, Andrea Matarazzo, e o secretário de Energia, José Aníbal. “Paulista nascido em Santos e paulistano por adoção, aqui cheguei aos 14 anos de idade. Vivo em São Paulo há mais tempo do que vivi em minha terra natal. Só não tinha aqui, devidamente formalizado, o meu domicílio eleitoral. Agora tenho. Agora sou paulistano por inteiro”, disse o pré-candidato, ovacionado pelos militantes.

Bruno Covas chegou na sede do diretório estadual do PSDB aos gritos de “prefeito”. O secretário estava acompanhado de sua mãe Renata Covas e do tio Mário Covas Neto, o Zuzinha. Em aproximadamente dez minutos de discurso, o secretário ressaltou a sua ligação com o ex-governador e avô Mário Covas, a quem classificou de “grande mestre”. “Carrego a responsabilidade, que me empenho em cumprir, de honrar o seu legado”, declarou. O tucano também defendeu a bandeira da renovação na política e disse estar motivado para disputar o pleito com outros novatos. “Isso marca o grande diferencial da eleição do ano que vem: pessoas novas, novas idéias e propostas”, disse Bruno Covas.

Publicidade