Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Mesmo com coronavírus, ex-Corinthians quer continuar na China

Rumores de possível volta de Renato Augusto ao futebol brasileiro esbarram em fator sentimental

Por Mariana Muniz 3 mar 2020, 12h28

Os rumores de uma possível volta do jogador de futebol Renato Augusto para o Brasil podem encontrar pelo meio do campo, quem diria, um obstáculo inesperado: o carinho do meia pela China.

Atualmente no Beijing Guoan, o craque está de férias no país e acabou adiando a volta da família para a Ásia em decorrência da epidemia de coronavírus – alimentando os comentários de que estaria deixando o clube chinês para jogar em solo nacional. Mas a depender dos elogios apaixonados ao país onde está radicado, a mudança não é para agora.

“Lá tudo funciona, as pessoas têm segurança e são amparadas pelo governo. Os brasileiros têm uma visão muito deturpada sobre a China”, disse ao Radar. Nos próximos dias, o atleta deixa o Brasil rumo à Europa, onde começa a turnê para a Champions League.

Publicidade