Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
VEJA Meus Livros Por Blog Um presente para quem ama os livros, e não sai da internet.

Romance ‘Nihonjin’, de Oscar Nakasato, vence o Jabuti

A Câmara Brasileira do Livro anunciou nesta quinta os três primeiros colocados nas 19 categorias do prêmio Jabuti. A última etapa da premiação está marcada para 28 de novembro, quando vão ser apontados os livros do ano nas categorias ficção e não-ficção. Na primeira, concorrem os premiados nos segmentos romance, contos e crônicas, poesia e […]

Por Maria Carolina Maia Atualizado em 31 jul 2020, 07h36 - Publicado em 18 out 2012, 20h53

A Câmara Brasileira do Livro anunciou nesta quinta os três primeiros colocados nas 19 categorias do prêmio Jabuti. A última etapa da premiação está marcada para 28 de novembro, quando vão ser apontados os livros do ano nas categorias ficção e não-ficção. Na primeira, concorrem os premiados nos segmentos romance, contos e crônicas, poesia e infanto-juvenil. Os selecionados nas demais categorias competem pelo prêmio de melhor livro do ano de não-ficção. Os ganhadores anunciados nesta quinta levam 3.500 reais, cada um. Os autores dos livros do ano ganharão, cada um, 35.000 reais.

Nihonjin (Saraiva), de Oscar Nakasato, foi o vencedor entre os romances, seguido por Naqueles Morros, Depois da Chuva (Hedra), de Edival Lourenço, e O Estranho no Corredor(34), de Chico Lopes. Na disputa de contos e crônicas, O Destino das Metáforas (Iluminuras), de Sidney Rocha, venceu O Anão e a Ninfeta (Record), de Dalton Trevisan, e O Livro de Praga (Companhia das Letras), de Sérgio Sant’Anna.

No quesito melhor livro de poesia, foram selecionados os trabalhos de Maria Lúcia Dal Farra, autora de Alhumbramentos (Iluminuras), Zulmira Ribeiro Tavares, que escreveu Vesuvio (Companhia das Letras) e Josely Vianna Baptista, de Roça Barroca (Cosac & Naify).

Veja a seguir os vencedores nas 19 categorias:

Read more

Continua após a publicidade

Publicidade