Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

As regras que estão tornando a indústria de alimentos mais saudável

O basta à gordura trans e outras mudanças para reduzir o risco de doenças

Por Da Redação Atualizado em 4 jun 2024, 14h50 - Publicado em 20 dez 2019, 06h00

• Gordura trans
No dia 17, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária aprovou as normas que vão eliminar o uso desse tipo de gordura nos alimentos. A implantação será feita em etapas até 2023. Os principais produtos que sofrerão a mudança são margarina, bolos prontos, massas instantâneas, sorvetes, pratos congelados e pipoca de micro-ondas. Produzida artificialmente, a trans dá crocância e textura aos alimentos, mas aumenta o risco de doenças cardiovasculares.

• Açúcar
No ano passado, o governo federal fez o primeiro acordo com a indústria brasileira para a redução de 144 000 toneladas do ingrediente na produção de alimentos. Os principais produtos atingidos são bolos prontos, bebidas lácteas e biscoitos recheados. A meta deverá ser alcançada até 2022.

• Sal
Em 2011, o Brasil assinou um documento com as empresas para reduzir o teor de sal nos alimentos em um prazo de quatro anos. O acordo gerou uma retirada de 17 000 toneladas do composto. Em 2017, o pacto foi renovado com um objetivo mais ousado: obter uma diminuição de 28 500 toneladas até 2022.

• Publicidade
O Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, ligado à Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, proibiu em 2014 a propaganda de diversos alimentos para crianças. Passaram a ser vetados, por exemplo, o uso de trilhas sonoras e efeitos especiais do universo infantil e o excesso de cores e bonecos em comerciais de televisão, rádio, jornais, páginas na internet, banners e nos próprios rótulos das marcas. A medida se baseia na tese de que esse público tem maior vulnerabilidade a apelos comerciais quando a linguagem é criada diretamente para ele.

Publicado em VEJA de 25 de dezembro de 2019, edição nº 2666

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.