Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Waldez Góes se reelege no Amapá

Disputa segue acirrada no Amapá, depois de confusão no primeiro turno

Por Roberta Paduan Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO , Sergio Ruiz Luz Atualizado em 28 out 2018, 21h17 - Publicado em 28 out 2018, 18h15

Com 100% das urnas apuradas, o candidato do PDT, Waldez Góes, foi reeleito governador do Amapá no segundo turno, com 52,35% ou 191.741 votos válidos.

Seu adversário, João Capiberibe (PSB), teve 47,65%, ou 174.540 votos.

Entre os 511.826 eleitores do Estado, houve 22,88% de abstenções, e os brancos somaram 1,56% e os nulos, 5,64%.

Continua após a publicidade

O primeiro turno da eleição ao governo do Amapá foi marcado por uma confusão que chegou a tirar Capi, como é conhecido o candidato do PSB, da disputa do segundo turno.

Um imbróglio com a chapa do PSB e PT fez com que Capi não tivesse nenhum voto contabilizado durante a apuração em 7 de outubro. Ao final da contagem dos votos, o candidato Davi (DEM) chegou a ser anunciado como segundo colocado, atrás de Waldez.

A confusão no Amapá aconteceu por causa de uma decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP), que rejeitou, na sexta-feira (5/10), a candidatura de Marcos Roberto (PT), candidato a vice de Capi. Com o indeferimento do vice, os votos do pessebista foram tratados como nulos. Até a decisão do TRE, Capiberibe liderava as pesquisas de intenção de votos.

Continua após a publicidade

Ao final da confusão no primeiro turno, Waldez recebeu 33,5% dos votos e Capi ficou com 30%.

 

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.