Clique e assine a partir de 9,90/mês
Publicidade

Notícias sobre Marcos Troyjo

Mais importante que industrialização, o desafio é preparar, não importa qual seja o setor, trabalhadores para o mindfacturing
A retração nos fluxos globais de investimentos estrangeiros diretos (IEDs) simboliza a percepção de que a economia mundial não está crescendo
Um estado menor e mais eficiente é pré-condição para muita coisa. Inclusive para liberar recursos possam acelerar o ingresso do Brasil na economia 4.0
Se os EUA vierem a engajar-se numa guerra fria com a China, muitas das bases para tais ações externas estarão assentadas na doutrina de Peter Navarro
Um conflito comercial duradouro minaria as fundações da própria competitividade da indústria norte-americana
Se Xi Jinping passar a ser visto por olhos chineses como condescendente a exigências americanas, o líder chinês pagará um alto preço
O mundo é rápido e não esperará por países desatentos, atabalhoados e lentos
A Montblanc escreve uma lição paradigmática e exitosa de reinvenção
Poucos no exterior se emocionarão neste momento com fantasias conspiratórias
Candidatos aos governos estaduais nas eleições de outubro precisam propor iniciativas para a área internacional
É virtualmente impossível copiar a experiência chinesa. Contudo, pode-se aprender com ela
A presença da China como protagonista do mundo contemporâneo oferece ao Brasil um delicado balanço
Nesta Cúpula da África do Sul, os Brics entoarão recados aos EUA com críticas ao crescente protecionismo. Será um típico caso do roto falando do rasgado
Em meio a tantas nuvens escuras, que pairam especialmente sobre o comércio global, lançaram-se alguns raios de luz
A dinâmica do “brexit” mostra como são complexas as equações envolvendo soberania e interdependência
No comércio internacional, muitas das melhores intenções, como gerar empregos, resulta na perda de mercados externos e o inferno da falta de competitividade
Para os que sempre desejaram um menor peso relativo dos EUA no mundo, a contemporaneidade com Trump traz boas notícias
Na atual fase dos EUA presididos por Trump, abre-se mão da universalidade, e descortina-se uma era de particularismo e relativismo moral
Economias mais competitivas, ao contrário do que por vezes pregam seus líderes atuais, permitem a transformação do mundo do trabalho e da empresa
Publicidade