Clique e assine a partir de 9,90/mês
Publicidade

Notícias sobre Antonio Patriota

O senador boliviano Roger Pinto Molina
Política

Morre Roger Pinto Molina, ex-senador boliviano asilado no Brasil

Por Da Redação - Atualizado em 16 Aug 2017, 11h23 - Publicado em 16 Aug 2017, 11h04
Político estava internado em estado grave desde sábado, quando sofreu um acidente com o avião de pequeno porte que pilotava em Luiziânia (GO)
Áudio de reunião no Ministério da Saúde revela que a diplomacia oficial era excluída das decisões sobre a contratação de médicos cubanos
Ministro culpou o setor privado, afirmando que seu comportamento é "insensível e insustentável"
A menos de 10 dias do encerramento do prazo para o governo brasileiro decidir se concederá refúgio ao senador boliviano Roger Pinto Molina, o Estadão revelou detalhes de uma operação secreta articulada em março de 2013 pelo Itamaraty para enviar à Venezuela um perseguido político enclausurado na embaixada em La Paz. De acordo com a […]
Publicado no Estadão desta sexta-feira A ser verdadeira, como parece, a denúncia de que o secretário-geral do Ministério das Relações Exteriores, Eduardo dos Santos, ameaçou expulsar do País o senador boliviano Roger Pinto Molina, caso ele aceitasse o convite da Comissão de Relações Exteriores do Senado para falar dos seus 455 dias como asilado na […]
“O caso da retirada de um senador de uma embaixada brasileira e sua condução sem garantias ao território brasileiro é um fato grave e que está sendo apurado”, miou o novo chanceler Luiz Alberto Figueiredo nesta sexta-feira, ao baixar no Suriname para acompanhar a presidente Dilma Rousseff na reunião da Unasul. Fato grave foi o […]
“Dedico o troféu ao companheiro Fidel Castro, que ajudará o Brasil a ter o sistema de saúde perto da perfeição que nosso mestre Lula inaugurou em abril de 2006″, emocionou-se Alexandre Padilha ao ser oficialmente informado da conquista do título de Homem sem Visão de Agosto. O ministro da Saúde fez questão e convidar para […]
Embaixador e diplomata, envolvido na fuga do senador boliviano Pinto Molina ao Brasil, ficarão locados no Itamaraty, em Brasília
ministro-luiz-alberto-machado-20130828-original.jpeg
Mundo

Sob novo comando, Itamaraty não deve apresentar rupturas

Por Gabriela Loureiro, de São Paulo, e Gabriel Castro, de Brasília - 29 Aug 2013, 07h49
Com política externa pautada pela continuidade, é difícil esperar que Luiz Alberto Figueiredo promova grandes mudanças durante sua gestão
Publicado no Globo desta quarta-feira Embora haja ainda muito a esclarecer sobre a história da retirada do senador boliviano Roger Pinto Molina do confinamento de 455 dias na embaixada em La Paz, pelo diplomata brasileiro Eduardo Saboia, o caso parece ser mais uma demonstração de como o profissionalismo outrora reconhecido do Itamaraty foi corroído por […]
antonio-patriota-20121014-28-original.jpeg
Mundo

Ao deixar o cargo, Patriota critica fuga de Molina ao Brasil

Por Gabriel Castro, de Brasília - 28 Aug 2013, 12h53
Na cerimônia de posse do novo ministro, ex-chanceler afirmou que processo foi uma 'atuação independente', em referência a Saboia, e 'que não pode se repetir'
Os embaixadores Clemente de Lima Baena Soares e Glivânia Maria de Oliveira se declararam impedidos de participar da comissão de sindicância que vai apurar a operação de retirada do senador boliviano Roger Pinto Molina da embaixada brasileira em La Paz. O Ministério das Relações Exteriores deve substituí-los por novos nomes que serão designados pela corregedora […]
Publicado na  coluna de Carlos Brickmann Que há um herói nessa história, não há dúvida: o diplomata Eduardo Saboia honrou as melhores tradições do Itamaraty e da política externa brasileira ao retirar o senador boliviano Roger Pinto, asilado político, do insalubre confinamento a que tinha sido relegado pelo nosso Governo por 455 dias. Que o […]
Graças à espetacular saída de cena de Antônio Patriota na operação que retirou o senador Rogério Pinto Molina da embaixada brasileira em La Paz, o agora ex-ministro das Relações Anteriores mereceu a entrada, aos 45 minutos do segundo tempo, na briga pelo HSV de Agosto. “O chefe tem certeza que desta vez leva o troféu”, […]
REYNALDO ROCHA O que restará da diplomacia brasileira após o pesadelo que se transformou em realidade? Depois de um Celso Amorim, um Antonio Patriota, que tiveram como chefes um Lula e uma Dilma Rousseff. Teremos os exemplos do amoral megalonanico e do patriota sem coragem, ou de um Saboia perdido na Bolívia?
Antonio Patriota não era ruim o bastante para o Brasil. Por isso a presidente Dilma Rousseff o demitiu (ver post na home). Assim, podemos apostar, dada a lógica do processo, que é grande o risco de que Luiz Figueiredo faça uma política ainda pior. A presidente tem razão de estar irritada com o episódio, a […]
Publicidade