Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Satélite chinês capta imagem de possível destroço de avião

Objeto de 22,5 metros foi captado na atual área de buscas pelo voo MH370 da Malaysia Airlines. Governo da China deve se pronunciar nas próximas horas

A China tem novas imagens de satélite que mostram um grande objeto boiando no sul do Oceano Índico, informou o governo da Malásia. As imagens foram captadas na atual área de buscas pelo avião desaparecido da Malaysia Airlines. O ministro dos Transportes malaio Hishammuddin Hussein foi informado da nova pista durante a entrevista coletiva diária sobre o voo MH370, e compartilhou a notícia com os jornalistas.

Leia também:

Revelados os últimos 54 minutos de conversa no avião desaparecido

Austrália diz que possíveis destroços de Boeing 777 podem ter afundado

Segundo Hussein, o possível destroço tem 22,5 metros de comprimento por 13 metros largura. O ministro afirmou que o governo chinês enviou navios para investigar o local e que Pequim deve se pronunciar “nas próximas horas” sobre o caso. De acordo com a agência de notícias chinesa Xinhua, o satélite teria captado as imagens no dia 18 de março.

Mapa divulgado pelo governo australiano indica a região onde os possíveis destroços do voo MH370 foram avistados por satélite Mapa divulgado pelo governo australiano indica a região onde os possíveis destroços do voo MH370 foram avistados por satélite

Mapa divulgado pelo governo australiano indica a região onde os possíveis destroços do voo MH370 foram avistados por satélite (/)

Austrália – A nova detecção de possíveis destroços do voo MH370 acontece na mesma região em que satélites australianos identificaram, na última quinta-feira, dois grandes objetos no mar. Desde então, navios e aviões de diversos países que participam das buscas ao avião desparecido concentraram os seus esforços em uma área ao sul do Oceano Índico, mas ainda não tiveram sucesso em encontrar qualquer material relacionado à aeronave. Na sexta, a Austrália especulou que os objetos avistados por seu satélite podem ter afundado.

Neste sábado, o mistério sobre o Boeing 777 de Malaysia Airlines completou duas semanas. O voo MH370 desapareceu em 8 de março com 239 pessoas a bordo quando voava de Kuala Lumpur para Pequim.