Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Milos Zeman é eleito presidente da República Checa

Vitória do ex-primeiro-ministro significa retorno ao poder de um veterano. Ele é o primeiro chefe da nação eleito pelo voto direto

Por Da Redação 26 jan 2013, 14h00

O ex-primeiro-ministro social-democrata Milos Zeman venceu neste sábado as eleições presidenciais na República Checa ao obter 54% dos votos, com a apuração já praticamente encerrada. Seu adversário, o ministro das Relações Exteriores Karel Schwarzenberg, recebeu 45% dos votos.

Esta foi a primeira vez que o presidente do país foi eleito por voto popular direto. “Espero conseguir ser o presidente de todos”‘, disse Zeman.

Segundo os dados fornecidos pelo Departamento de Estatística, 59% dos checos com direito a voto foram às urnas neste segundo turno.

A vitória do ex-primeiro-ministro, de 68 anos, significa o retorno ao poder de um veterano da política checa. Zeman, um antigo dissidente comunista, chefiou o governo entre 1998 e 2002. Seu triunfo surge após uma dura campanha eleitoral marcada pelas críticas de Schwarzenberg à expulsão do país, após a Segunda Guerra Mundial, de três milhões de checos de origem alemã.

Zeman rejeitou essas críticas e argumentou que a decisão foi apenas um cumprimento das determinações dos aliados sobre o reassentamento das minorias alemãs para evitar conflitos sociais no novo mapa da Europa. Com a vitória de Zeman, espera-se as relações entre o país e a União Europeia melhorem, após o período de euroceticismo durante o governo de seu antecessor, Vaclav Klaus.

(Com agência EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade