Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Imprensa internacional repercute greve no Brasil

O jornal Wall Street Journal e as emissoras BBC e ABC News noticiaram os eventos desta sexta-feira

Por Da redação 28 abr 2017, 15h13

Alguns dos principais meios de comunicação do mundo noticiaram as paralisações e manifestações registradas em 25 estados brasileiros nesta sexta-feira. O jornal americano Wall Street Journal destacou a interrupção do sistema de transportes em São Paulo durante a greve e o bloqueio de algumas das principais vias da capital paulista.

“Nos últimos dois anos, o Brasil sofreu com a pior recessão econômica já registrada, o que reduziu as receitas fiscais e fez com que as mudanças propostas fossem ainda mais urgentes, dizem alguns economistas”, diz a reportagem do WSJ.

A emissora BBC e a agência Reuters também noticiaram o evento. O canal de notícias britânico falou na “primeira greve geral em duas décadas”.

Continua após a publicidade

“No polo econômico de São Paulo, na principal área turística do Rio de Janeiro e em várias outras áreas metropolitanas, manifestantes usaram barricadas de pneus queimados e outros materiais para bloquear rodovias e o acesso a grandes aeroportos”, escreveu a Reuters em seu site.

A versão espanhola do site El País anunciou a greve desta sexta no dia anterior, enquanto a emissora americana ABC News noticiou o evento e discutiu a atual situação econômica do Brasil.

//Reprodução

“O governo do presidente Michel Temer argumenta que regras trabalhistas mais flexíveis revitalizarão uma economia moribunda e adverte que o sistema de pensões irá falir sem mudanças. Uniões e outros grupos chamam a população para a greve, dizendo que as mudanças tornarão os trabalhadores muito vulneráveis e acabarão com muitos benefícios”, diz o site da emissora americana ABC.

//Reprodução
Continua após a publicidade

Publicidade