Clique e assine com até 92% de desconto

Empresa compra cidade para construir ‘paraíso da maconha’

American Grenn vai transformar um pequeno município da Califórnia em destino turístico para entusiastas da droga

Por Da redação Atualizado em 3 ago 2017, 22h01 - Publicado em 3 ago 2017, 21h31

Uma fabricante americana de produtos feitos de cannabis anunciou nesta quinta-feira que comprou a pequena cidade de Nipton, no deserto da Califórnia, por cinco milhões de dólares, para transformar o local em um destino turístico para entusiastas da maconha. De acordo com a Boomblerg, para isso, a American Grenn pretende investir outros 2,5 milhões de dólares nos próximos 18 meses.

Com território de 120 hectares – uma área menor do que o Parque do Ibirapuera, em São Paulo – e localizada a apenas uma hora de distância de Las Vegas, Nipton tem população estimada de 20 pessoas e conta com uma loja, um hotel e uma escola.

A nova proprietária da cidade promete utilizar energia renovável e construir novas estruturas. “Mostrar que é possível ter um município amigável para a cannabis e ainda torná-lo independente de energia pode inspirar as pessoas [a criar outras cidades semelhantes]”, disse o gerente do projeto, Stephen Shearin à Bloomberg.

Os planos da American Green em Nipton incluem uma fábrica produtos de maconha comestível, uma instalação em que é possível banhar-se em águas acrescidas de componentes de cannabis associados à redução de dor, e lojas de varejo.

  • No final do ano passado, Califórnia, Massachusetts e Nevada aprovaram a legalização da maconha recreativa e outros estados americanos votaram pela aprovação do uso medicinal da droga. No entanto, não há uma lei federal que libere o uso da maconha nos Estados Unidos, e o presidente Donald Trump se manifestou contrário à política de legalização.

    Continua após a publicidade
    Publicidade