Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Desabamento de fábrica mata seis no Paquistão

Quatro mulheres e duas crianças morreram e dezenas de pessoas estavam presas nesta segunda-feira sob os escombros de uma fábrica que desabou em Lahore, a grande cidade da região leste do Paquistão.

Ao que parece, a queda do edifício de três andares, localizado no populoso bairro de Multan Rosad, onde funcionava um laboratório que trabalhava com produtos veterinários, foi provocado pela explosão de uma caldeira e de um cilindro de gás.

A polícia explicou que a fábrica da Orient Labs Limited funcionava de maneira ilegal e sem o registro adequado. Os três proprietários do estabelecimento estão sendo procurados.

“Três corpos foram retirados dos escombros. Dois eram mulheres e também havia uma criança. Há outros dois corpos de mulheres nos escombros”, afirmou à AFP o policial Ghulan Mehmood Dogar.

Dezoito pessoas foram resgatadas, mas as autoridades temem que entre 45 a 50 ainda estejam presas entre os escombros.

Mais cedo, a polícia anunciou a morte de um menino de 12 anos.

Os trabalhadores da fábrica eram em sua maioria mulheres e crianças responsáveis por empacotar os medicamentos, segundo um sobrevivente.

O acidente é mais uma evidência das péssimas condições de segurança nas fábricas no Paquistão, assim como da exploração do trabalho infantil.