Clique e assine a partir de 9,90/mês

Coronavírus: Austrália e Nova Zelândia fecham suas fronteiras

Cidadãos vindos do exterior devem se isolar por 14 dias; 414 australianos 11 neozelandeses estão contaminados

Por Da Redação - 19 mar 2020, 12h00

A Nova Zelândia e a Austrália anunciaram nesta quinta-feira, 19, que irão fechar as fronteiras para estrangeiros e não-residentes. A medida divulgada pelos dois governos visa impedir que mais pessoas infectadas com Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus, entrem em seus territórios.

Todos os cidadãos de ambos os países que chegarem do exterior deverão se isolar por 14 dias. A medida, no entanto, “não se aplica aos australianos que vivem na Nova Zelândia como residentes”, disse o primeiro-ministro da Austrália, Scott Morrison. A regra “para os neozelandeses vivendo na Austrália como residentes são as mesmas (dos locais)”, afirmou.

Segundo o jornal New Zeland Herald, esta é a primeira vez na história que o país fechará suas fronteiras. “Proteger a Nova Zelândia do Covid-19 é a nossa prioridade número um”, afirmou a primeira-ministra, Jacinda Arden.

Arden justificou a medida ao dizer que, devido a propagação do novo coronavírus, o governo deveria tomar medidas mais restritivas em suas fronteiras.

Continua após a publicidade

Na Austrália foram diagnosticados 414 casos de Covid-19 e registradas cinco mortes pela doença. Já a Nova Zelândia tem 11 casos e nenhuma morte. Em ambos os países, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), houve contaminação comunitária.

A pandemia do novo coronavírus já atingiu 150 países infectando mais de 200.000 pessoas e matando 7.807. Segundo o boletim diário da OMS, somente na quarta-feira 18 foram identificados novos 15.123 infectados. Na China, onde a pandemia teve início, não foram registrados novos casos entre a quarta 18 e esta quinta-feira.

Publicidade