Clique e assine a partir de 9,90/mês

Como a Coreia do Norte se tornou socialista?

Como já estava dominada pelos soviéticos, a Coreia do Norte foi socialista antes mesmo de começar a existir formalmente

Por Da Redação - Atualizado em 11 set 2017, 10h24 - Publicado em 9 set 2017, 11h39

Kim il-Sung, o avô do ditador Kim Jong-un, assumiu o comando da porção norte da Península da Coreia antes mesmo de o território ser dividido em dois, em 1945. Como ele foi colocado no poder pela União Soviética, pode-se considerar que a Coreia do Norte é socialista antes mesmo de ter sido fundada.

Nos anos 1930, Kim il-Sung começou sua carreira na guerrilha contra os japoneses, que tinham invadido a Península da Coreia.

Depois , ele foi levado para a União Soviética, onde foi treinado e doutrinado pelos comunistas. Os soviéticos o mantinham em suas forças armadas porque sabiam que ele um dia podia ser usado para servir seus interesses.

Kim Il-Sung entrou praticamente anônimo junto com as tropas soviéticas que lutaram contra os japoneses, no final da II Guerra.

Em setembro de 1945, um mês após o nascimento da Coreia do Sul, surgiu também a Coreia do Norte, ou República Popular Democrática da Coreia.

Continua após a publicidade

No dia 22 de outubro de 1945, os soviéticos apresentaram Kim il-Sung como um herói nacional em um grande estádio em Pyongyang. Seu discurso foi escrito em russo pela seção política do Exército e traduzido para o coreano. Muitos não compreenderam os jargões marxistas misturados no texto.

Como era um bajulador de Stalin, Kim il-Sung imitou muito de suas políticas logo no início de seu governo. Nacionalizou fábricas, investiu na indústria pesada, expropriou terras, executou inimigos políticos, criou campos de trabalho forçado. Cerca de dois milhões de habitantes da Coreia do Norte fugiram para o sul.

A primeira constituição do país, de 1948, foi inspirada na soviética. Hoje é chamada de “Constituição Socialista”.

Leia esta reportagem na íntegra assinando o site de VEJA ou compre a edição desta semana para iOS e Android.

Aproveite também: todas as edições de VEJA Digital por 1 mês grátis no Go Read.

Continua após a publicidade
Publicidade