Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Ataques russos já deixaram mais de 10 mil civis mortos na Ucrânia, diz ONU

Número real de vítimas pode ser "significativamente mais elevado", no entanto, à medida que trabalho de contagem ainda está em curso

Por Da Redação 21 nov 2023, 17h31

Mais de 10 mil civis foram mortos na Ucrânia desde a invasão russa em fevereiro de 2022, informou o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos nesta terça-feira, 21.

O número real de vítimas pode ser “significativamente mais elevado” que os dados oficiais, no entanto, à medida que o trabalho de contagem ainda está em curso, segundo a agência da ONU.

De acordo com as informações divulgadas pela entidade, cerca de metade das mortes recentes não ocorreram na linha de frente do confronto, mas pela ação de armas explosivas com impacto amplo, como projéteis, mísseis e munições cluster — que se abrem no ar e despejam uma série de bombas no solo.

Além do alcance expressivo da artilharia russa, a ONU acredita que as mortes distantes das trincheiras sejam fruto da explosão tardia de dispositivos abandonados.

“Dez mil mortes de civis é um marco sombrio para a Ucrânia”, diz a chefe da missão em solo ucraniano, Danielle Bell.

Continua após a publicidade

+ Zelensky afirma que guerra Israel-Hamas afetou envio de armas à Ucrânia

Os dados da organização humanitária apontam que a população idosa representa a fatia mais afetada pelos ataques, com um terço dos mortos. A faixa etária dos maiores de 60 anos representa apenas um quarto da população total do país.

Apesar dos números, a Rússia comandada por Vladimir Putin nega reiteradamente que tenha os civis como alvo.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.