Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Magrello é eleita a melhor doceria de Cuiabá

A marca, que surgiu como um carrinho de cachorro-quente, conquista o pódio da VEJA COMER & BEBER CUIABÁ 2019 e os cuiabanos com suas tortas açucaradas

Por Iracy Paulina Atualizado em 22 Maio 2019, 13h23 - Publicado em 18 Maio 2019, 00h01

Em julho do ano passado, a Magrello do bairro Popular foi transferida para outro imóvel, no Jardim Cuiabá. O novo endereço, maior e com serviço de café da manhã, almoço e lanche da tarde, é mais uma conquista na vitoriosa trajetória desse negócio familiar, iniciado há 26 anos com um modesto carrinho de cachorro-quente. Sempre ligado nas novidades do ramo, Alessandro Albert foi calibrando os rumos do empreendimento junto com a mãe, a chef pâtissière Beatriz Albert, até que a confeitaria se firmasse como uma das melhores da cidade. A virada açucarada se deu a partir do ano 2000. “Com a chegada do McDonald’s a Cuiabá e a febre do lanche baguncinha, nosso movimento de salgados caiu e decidimos investir em bolos e doces”, conta ele. Apesar de o cardápio contemplar receitas salgadas, as tortas doces, sobretudo as individuais, são as vedetes nas quatro lojas. Das mais de cinquenta opções, ao menos vinte estão disponíveis diariamente. A naked cake (pão de ló vermelho, recheio de estrogonofe de nozes e cobertura de frutas da estação e açúcar) sai a R$ 16,50 no tamanho individual. Com o mesmo preço, também faz sucesso a receita que combina pão de ló e recheio de chocolate mais morango, chantili e, na cobertura, ganache e lascas de chocolate. Na versão inteira, ambas custam R$ 79,90 o quilo. Rua das Papoulas, 70, Jardim Cuiabá, 3623-0959 (80 lugares). 8h/20h; Pantanal Shopping. Não tem telefone. 10h/22h (dom. a partir das 11h). Mais
dois endereços. Aberto em 1993. Aqui tem iFood.

2º lugar: Fábula Doces Finos

Tarso Quadros e sua equipe são incansáveis na criação de novos doces. Um das receitas mais recentes, o bolo martha rocha combina pão de ló branco e de chocolate, doce de ovos, chantili, suspiro, pêssego em calda e farofinha crocante de castanha de caju (o quilo custa R$ 89,90 na loja ou R$ 84,90 para levar). Outra sugestão é a pavlova, um suspiro combinado a morangos frescos e chantili (R$ 115,00 o quilo para consumo na loja ou R$ 89,90 para levar para casa). Ao lado das guloseimas, vai bem um cappuccino cremoso, preparado com chantili (R$ 9,50). Avenida Fernando Corrêa da Costa, 1178, Jardim Kennedy, 3627-1488 (24 lugares). 10h/18h30 (sáb. até 18h; fecha dom.). Aberto em 2009.

3º lugar: Simoni Klauk Pâtisserie

Sob orientação da avó, Simoni Klauk começou a fazer bolo ainda criança, aos 9 anos. Quando abriu sua própria confeitaria, ela resgatou as memórias e idealizou uma loja com clima retrô, que lembra uma casa de avó. Ali, os clientes encontram bolo de cenoura com chocolate belga – o maior hit da marca é do tipo vulcão, com bastante cobertura (R$ 25,00, para duas pessoas). No pote, a receita sai por R$ 12,00, mesmo preço do brownie com brigadeiro branco. Outro queridinho da clientela é o bolo gelado de coco servido em fatia, que tem versões de coco, leite Ninho, prestígio e brigadeiro (R$ 8,00 cada um). Avenida São Sebastião, 3236, Quilombo,99973-1538. 12/18h30 (sáb. 10h/13h). Aberto em 2017. Aqui tem iFood.

(Preços apurados entre abril e maio de 2019).

Veja também: Tudo sobre Veja Comer & Beber Cuiabá 2019

Continua após a publicidade
Publicidade