Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Muricy falta a treinos e não tem previsão de volta

Por Da Redação - 25 out 2011, 16h41

Após sofrer uma crise de hérnia de disco na semana passada, que o fez ficar internado de quinta-feira até sábado no hospital São Luiz, em São Paulo, e não comandar o Santos contra Botafogo e Flamengo, o técnico Muricy Ramalho ainda não está liberado para voltar a trabalhar.

Apesar de sentir menos dores, o treinador descansou e não compareceu a nenhum dos dois treinos programados nesta terça. Tanto de manhã quanto à tarde, as atividades foram orientadas por Mário Felipe Peres, o Tata, auxiliar de Muricy, que dirigiu a equipe na vitória sobre o Botafogo e no empate com Flamengo.

Por enquanto, o treinador não tem previsão de volta e existe a possibilidade de Muricy não trabalhar nesta semana e ficar fora também da partida contra o Atlético-PR, no sábado, no Pacaembu.

Muricy vem realizando o tratamento de fisioterapia apontado pelo médico ortopedista Joaquim Grava, do Corinthians, responsável pelo seu caso.

Publicidade

As dores lombares de Muricy tiveram início no dia do jogo em que o Santos perdeu para o Fluminense, dia 1º de outubro, em Volta Redonda (RJ). Cinco dias depois, o incômodo piorou após o treinador participar de uma partida de futebol entre membros da comissão técnica do clube santista e a imprensa.

(Com agência Gazeta Press)

Publicidade