Clique e assine a partir de 9,90/mês

Guardiola afirma que não voltará a ser treinador do Barcelona

Com uma trajetória vitoriosa no time catalão, sua volta ao comando da equipe é especulada em razão da provável saída do atual técnico, Luis Enrique

Por Da Redação - Atualizado em 18 Feb 2017, 19h13 - Publicado em 18 Feb 2017, 18h59

O técnico espanhol Josep Guardiola, atualmente no Manchester City, afirmou neste sábado que não pretende voltar a comandar o clube em que despontou para o futebol como jogador (de 1990 a 2001) e como treinador (de 2008 a 2012).

Como treinador, ganhou dois Mundiais de Clubes da Fifa, duas Ligas dos Campeões da Europa e três campeonatos espanhóis, entre outros títulos. “Nunca mais voltarei a comandar o Barcelona. Meu período lá acabou“, garantiu o treinador à emissora britânica “Sky Sports”.

Guardiola vem respondendo da mesma forma aos questionamentos sobre o retorno ao time catalão, que vêm aumentando com as especulações sobre a saída do atual técnico, Luis Enrique, seu ex-companheiro dos tempos de jogador, em razão da campanha oscilante e do mau relacionamento com jogadores.

Recentemente, Guardiola, de 46 anos, afirmou que não se vê comandando uma equipe de futebol daqui pouco mais de uma década, em entrevista à emissora americana “NBC”. “Não serei treinador com 60, 65 anos. No Manchester City, serão três anos ou mais, mas estou me aproximando do fim da minha carreira”, disse.

Continua após a publicidade

(Com agência EFE)

Publicidade