Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Overdose deixou Demi Lovato à beira da morte

Atriz e cantora continua internada. Familiares esperam que ela decida ir para uma clínica de reabilitação

Demi Lovato poderia ter morrido pela gravidade da overdose sofrida por ela na terça-feira. A informação é do site TMZ, primeiro a noticiar o atendimento de emergência da cantora e atriz. Segundo a publicação, uma fonte próxima ao caso disse que Demi estava inconsciente e em estado grave quando recebeu o atendimento emergencial em sua casa, em Los Angeles. “Ela quase morreu”, conta.

A jovem de 25 anos recebeu um tratamento com Narcan, composição que funciona como um antagonista ao opioide. O Narcan é usado em tratamentos de emergência de overdose ou intoxicação. A suspeita inicial seria de uma overdose de heroína, que tem ópio como base. Familiares, contudo, garantem que a cantora não usou a droga, porém não dizem qual tipo de substância causou o episódio.

Demi continua hospitalizada e sob observação. A expectativa é que ela dê entrada em uma clínica de recuperação após receber alta do hospital.