Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

J.J. Abrams desanca Weinstein: ‘Ele é um monstro’

Diretor de 'Star Wars' afirma que a discussão em torno do caso ainda é pouca

O produtor J.J. Abrams soltou o verbo para criticar Harvey Weinstein, alvo de acusações por assédio sexual. Durante o baile anual do The Hammer Museum — que em 2017 homenageou a cineasta Ava DuVernay –, o diretor de Star Wars chamou o produtor de “monstro”, e dedicou a noite à luta contra os assediadores.

“Esses dias, alguém me disse que estava cansado de ouvir as pessoas falando quão repulsiva era essa história”, explicou Abrams ao site da revista The Hollywood Reporter. “Já eu não acredito que podemos falar tanto quanto necessário sobre o quão desumano e asqueroso é esse abuso de poder por parte dele. Ele é um monstro. Existem outros monstros, mas também os que lutam contra eles, e o evento de hoje é especialmente sobre aqueles que lutam contra os monstros.”

Nas últimas semanas, o produtor de cinema Harvey Weinstein foi acusado por mais de trinta mulheres de assédio sexual e abuso de poder. Segundo o jornal The New York Times e a revista New Yorker, antigas e atuais funcionárias do produtor alegam ter recebido toques indesejados ou sido submetidas a exibicionismos por parte dele. Entre elas, estão as atrizes Gwyneth Paltrow, Angelina Jolie, Rose McGowan, Ashley Judd e Lea Seydoux.