Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Wagner Moura fará filme mais caro da Netflix com diretores de Vingadores

Brasileiro se une a Ryan Gosling, Chris Evans e Ana de Armas no elenco de longa de espionagem à la James Bond

Por Amanda Capuano Atualizado em 18 mar 2021, 22h28 - Publicado em 17 dez 2020, 15h38

Depois de emplacar Narcos e dar vida ao diplomata Sérgio Vieira de Mello em Sérgio na Netflix, Wagner Moura estará no filme de maior orçamento já feito pela plataforma de streaming. De acordo com o Deadline, o brasileiro foi escalado para The Gray Man, filme de espionagem criado e produzido pelos irmãos Joe e Anthony Russo — dupla por trás dos últimos filmes da saga Vingadores, da Marvel. A história é uma adaptação do primeiro livro da série de quatro volumes de Mark Greaney, e terá Ryan Gosling e Chris Evans como protagonistas.

Os cineastas começaram a trabalhar no projeto ainda em 2014, com a Sony, mas ele só ganhou força em julho desse ano quando Netflix anunciou a compra dos direitos do longa com um orçamento estimado em 200 milhões de dólares. Na trama, Court Gentry (Gosling) é um ex-agente da CIA e atual assassino de aluguel que passa a ser perseguido por um antigo companheiro de trabalho (Chris Evans). A ideia é que o filme seja o primeiro de uma franquia à la James Bond no streaming.

Ainda não se sabe qual papel Moura terá no longa, ou o tamanho de sua participação. A cubana Ana de Armas, que deu vida à argentina Carolina Larrieira, par romântico de Moura em Sérgio, também foi confirmada no elenco. O filme está previsto para começar a produção em 2021.

Publicidade