Clique e assine a partir de 8,90/mês

Espancamento de transgênero Ivan dá 43 pontos em capítulo corujão

Novela foi ao ar mais tarde, excepcionalmente, por causa do jogo do Brasil contra o Chile pelas Eliminatórias da Copa

Por Da redação - Atualizado em 11 out 2017, 17h11 - Publicado em 11 out 2017, 10h25

*Atualização, às 13h50: a prévia indicava 42 pontos de audiência, mas no consolidado do Ibope o capítulo ficou com 43 pontos de média em São Paulo

 

Nem o adiantado da hora tirou o público da frente do capítulo de A Força do Querer, na noite desta terça-feira. Em um episódio marcado pela derrocada de Bibi Perigosa (Juliana Paes), que volta ao Rio com uma mão na frente e outra atrás depois da prisão do marido, Rubinho (Emilio Dantas), pela luta de Ritinha (Isis Valverde) para recuperar a guarda do filho e pelo espancamento do transgênero Ivan (Carol Duarte), a trama das 9 da Globo marcou 42 pontos na prévia do Ibope na Grande São Paulo.

O número foi divulgado em tom de festa pela autora, Gloria Perez, no Twitter. “42 na prévia, quase à meia-niote, foi um recorde e tanto”, escreveu Gloria.

Ivan tomou uma surra de um grupo de homofóbicos — um dele careca como um neonazista — enquanto seguia a pé para um show. Ouviu coisas como “viadinho” e não se conteve, mostrou o dedo do medo ao grupo, que o jogou no chão e encheu de pancada.

A surra foi o sacrifício necessário, embora involuntário, de Ivan para ser enfim reconhecido como é pela mãe, Joyce (Maria Fernanda Cândid0), que é quem mais resiste a aceitar que a filha Ivana é, na verdade, um garoto.

No capítulo desta quarta-feira, ao se deparar com Ivan ensanguentado, deitado, sozinho, em um canto de um hospital, Joyce vai enfim chamá-lo de “filho”. Ivan, que está grávido da única relação sexual que teve com o ex-namorado, Cláudio (Gabriel Stauffer), deve perder o bebê.

Joyce (Maria Fernanda Candido) encontra Ivan (Carol Duarte) ensanguentado no hospital e pela primeira vez o chama de ‘filho’ Reprodução/TV Globo
Joyce (Maria Fernanda Candido) encontra Ivan (Carol Duarte) ensanguentado no hospital e pela primeira vez o chama de ‘filho’ Reprodução/TV Globo

 

 

 

Continua após a publicidade
Publicidade