Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

David Bowie e sua vida para lá de pitoresca

Neste domingo, 10, completam-se cinco anos da morte do Camaleão do Rock; confira curiosidades que dizem muito sobre o músico

Por Felipe Branco Cruz Atualizado em 13 jan 2021, 18h34 - Publicado em 10 jan 2021, 08h15

Há exatos cinco anos, o mundo perdeu David Bowie. Sua morte, ocorrida em 10 de janeiro de 2016, aconteceu apenas dois dias depois do músico completar 69 anos e do lançamento de seu último álbum, Blackstar. Em sua carreira de mais de 50 anos, Bowie encarnou diversas personas e lançou estrondosos sucessos pop. Para além da sua criatividade, o artista também teve uma vida bastante movimentada, repleta de fatos pitorescos e divertidos. A seguir, relembramos cinco deles.

Bowie fundou na adolescência a “Sociedade para a prevenção da crueldade com os homens de cabelos compridos”

Pode parecer estranho hoje, mas nos anos 1960 e 1970 havia um imenso preconceito contra homens cabeludos. E esse preconceito ia desde os Beatles até as bandas de heavy metal. Em 1964, com apenas 17 anos, Bowie fundou a “Sociedade para a prevenção da crueldade com os homens de cabelos compridos” para protestar de maneira irônica contra o tratamento que pessoas como ele recebiam nas ruas. Em uma entrevista a BBC na época, ele disse que a organização era: “Realmente para a proteção dos músicos pop e daqueles que usam seus cabelos compridos. Quem tem a coragem de usar o cabelo até os ombros tem que passar pelo inferno. É hora de nos unirmos para defender nossos cachos.” No vídeo abaixo, confira uma entrevista do jovem Bowie comentando sobre a sociedade.

Slash, guitarrista do Guns ‘n’ Roses, flagrou David Bowie na cama com sua mãe

A vida amorosa de David Bowie sempre foi bastante agitada. Slash, guitarrista do Guns ‘n’ Roses, que o diga. Em sua autobiografia, Slash relembrou o dia em que ele flagrou Bowie fazendo sexo com a sua mãe, Ola, nos anos 1970, quando ele tinha apenas 8 anos. “Ela [separação dos pais de Slash] se tornou real para mim quando vi minha mãe na companhia de outro homem. Esse homem era David Bowie”, escreveu o músico. Ola era estilista e já havia trabalhado com Ringo Starr, John Lennon, Steve Wonder, além de Bowie. “Foi como ver um alienígena aterrissando no quintal dos fundos”, lembrou Slash sobre a presença de Bowie em sua casa. “Ele aparecia com frequência, acompanhado da mulher, Angie, e do filho Zowie. Na época, minha mãe praticava o mesmo tipo de meditação transcendental que David. Eles entoavam seu canto diante do altar que ela mantinha no quarto”, completou. 

Continua após a publicidade
O guitarrista Slash da banda Guns N' Roses, durante show em São Paulo
O guitarrista Slash da banda Guns N’ Roses, durante show em São Paulo Katarina Benzova/Divulgação

O bizarro primeiro encontro de David Bowie com John Lennon

Tony Visconti, produtor musical de onze álbuns de David Bowie, relembrou em uma entrevista a BBC do bizarro primeiro encontro entre Bowie e o ex-beatle John Lennon na década de 1970. Para Visconti, a cena lembrou mais um encontro entre duas crianças do que entre dois astros da música. “Ele estava com medo de conhecer John Lennon”, disse Visconti. “E Bowie pediu para eu acompanhá-lo para amenizar a situação”, completou. O produtor conta que por cerca de duas horas Lennon e David não trocaram nenhuma palavra. Em vez disso, Bowie ficou sentado no chão com um bloco de papel e carvão desenhando e ignorando o ex-beatle. Até que, duas horas depois, segundo Visconti, Lennon disse a David: “Me dê algumas folhas, eu quero desenhar você”, e Bowie respondeu “Oh, isso é uma boa ideia”. “Foi só a partir daí que o gelo se quebrou. Visconti contou ainda que foi naquela noite que ele conheceu sua futura esposa, May Pang, que teve um relacionamento extraconjugal com John Lennon no período que ele ficou separado de Yoko Ono em Los Angeles. 

John Lennon em Nova York por Bob Gruen -
John Lennon em Nova York por Bob Gruen – Bob Gruen/Divulgação

David Bowie guardava sua própria urina na geladeira 

De acordo com David Buckley, no livro Strange Fascination: David Bowie – The Definitive Story, em 1975, na Califórnia, David Bowie passou a estocar sua própria urina dentro da geladeira para manter sua alma pura, pois tinha medo que magos e bruxas a roubassem. A paranoia, desenvolvida na esteira do alto consumo de drogas, demonstrava a fragilidade do artista naquele período. A ideia de estocar seus fluídos corporais pode ter surgido após uma briga que ele teve com Jimmy Page, do Led Zeppelin, que também era adepto de práticas do ocultismo. Naquela época, Bowie ficou conhecido como Thin White Duke (Duque magro e branco), uma das personas de Bowie associada ao álbum Station to Station, de 1976. De fato, o artista estava bastante magro e só se alimentava de pimentas e leite.

DAVID BOWIE - Ano da morte: 2016 - O que o mantém vivo: a forte presença nas redes sociais, com 1,4 milhão de seguidores no Instagram e novas fotos publicadas em média a cada dois dias — além de constantes lançamentos de vídeos, livros e álbuns póstumos
David Bowie e suas inúmeras personas Masayoshi Sukita/Morrison Hotel Gallery/.

David Bowie adotou este nome artístico para não ser confundido com Davy Jones, dos Monkees.

O nome de batismo de David Bowie é David Robert Jones. Antes de começar a sua carreira musical, já havia na praça Davy Jones, vocalista da banda The Monkees, bastante conhecido na cena musical. Com medo de ser confundido com o cantor, David adotou o sobrenome artístico de Bowie. Em 1967, David recebeu sua primeira carta de uma fã americana, Sandra Dodd, então com 14 anos. Na carta, ela perguntava ao artista qual era o seu verdadeiro nome. Bowie a respondeu em uma carta datilografada: “Respondendo a sua pergunta, meu nome real é David Jones e eu não tenho que te explicar porque eu mudei meu nome. ‘Ninguém vai fazer de você um macaco’, me disse meu empresário”, escreveu o artista brincando com o nome da banda Monkees. David Jones, Micky Dolenz, Peter Tork e Michael Nesmith, integrantes da banda 'The Monkees'

David Jones, Micky Dolenz, Peter Tork e Michael Nesmith, integrantes da banda ‘The Monkees’

Continua após a publicidade
Publicidade