Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Matheus Leitão

Blog de notícias exclusivas e opinião nas áreas de política, direitos humanos e meio ambiente. Jornalista desde 2000, Matheus Leitão é vencedor de prêmios como Esso e Vladimir Herzog
Continua após publicidade

O cerco contra Bolsonaro começa a se fechar

Entenda

Por Matheus Leitão Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 14 jan 2023, 11h40 - Publicado em 14 jan 2023, 11h32

O cumprimento da prisão de Anderson Torres fechou o cerco contra Jair Bolsonaro. Após seu ministro da Justiça ser preso, o ex-presidente agora verá o holofote da investigação sobre o terrorismo contra os Três Poderes se voltar para ele.

É preciso lembrar que, na busca e apreensão na casa do próprio Torres, descobriu-se que o ex-ministro da Justiça guardava, em seu armário, a “minuta do golpe”.

Bolsonaro já foi inserido pelo ministro Alexandre de Moraes como investigado no caso após o novo – e absurdo ataque – à democracia, ao reproduzir a declaração de que Lula não ganhou a eleição de maneira limpa, mas com a ajuda do poder judiciário.

Isso, após os ataques destruíram as sedes dos Três Poderes.

Como bem explicou um cientista político que acompanha a política nacional há quatro décadas, “impossível o documento não ter sido ao menos ‘visto’ por Bolsonaro – nesse ato, não denunciado por ele, já prevaricou”.

Continua após a publicidade

A questão que fica agora é apenas uma: Anderson Torres contará ou não o que de fato aconteceu para ele – ator do direito, delegado e ex-ministro – estar envolvido numa tentativa de ferir a ordem democrática e de fazer um ato inconstitucional?

Com a palavra, o ministro da Justiça de Bolsonaro que não acredita… na Justiça.

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.