Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Em Cartaz Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Por Raquel Carneiro
Do cinema ao streaming, um blog com estreias, notícias e dicas de filmes que valem o ingresso – e alertas sobre os que não valem nem uma pipoca
Continua após publicidade

Kevin Spacey de volta ao tribunal: saiba quais são as acusações

Ator responde a processo movido por quatro homens que alegam abusos por parte de Spacey entre 2001 e 2013

Por Amanda Capuano Atualizado em 15 Maio 2024, 23h34 - Publicado em 28 jun 2023, 10h39

Nesta quarta-feira, 28, o ator Kevin Spacey compareceu a um tribunal de Londres para o início de seu julgamento na Inglaterra. Ele é acusado de assediar sexualmente quatro homens no país entre 2001 e 2013, no período em que atuava como diretor artístico do teatro Old Vic, um dos mais aclamados do Reino Unido. 

Segundo a agência Reuters, Spacey apareceu no tribunal vestindo um terno azul-marinho com gravata rosa, e assistiu a posse do júri que decidirá seu destino. “O réu ficará satisfeito com o fato de que muitos de vocês sabem o nome dele ou viram seus filmes”, disse o juiz Mark Wall ao pedir aos jurados que analisem o caso com base nas evidências, e não em influências externas. “Este é um caso que atraiu e continuará atraindo muita cobertura da mídia. Vocês devem tentar evitar tal cobertura sempre que puderem”, complementou.

O caso contra Spacey foi apresentado formalmente em junho do ano passado. Na ocasião, as acusações englobavam supostos abusos contra três homens. As alegações vão de assédio sexual até a pratica de “levar uma pessoa a se envolver em atividade sexual com penetração sem seu consentimento”. Meses depois, em novembro, outro denunciante se juntou ao processo, com mais sete acusações na mesma linha. Segundo a lei inglesa, os denunciantes não podem ser identificados, mas eles estão hoje  na faixa etária entre 30 e 40 anos.

O julgamento está programado para durar quatro semanas, e não será televisionado. Na sexta-feira, 30, os promotores devem apresentar o caso ao júri composto por 12 pessoas. Depois, a equipe de Spacey fará sua defesa, dando andamento aos trâmites. Se condenado, o juiz responsável pelo caso realiza uma nova audiência para anunciar a sentença — no caso de Spacey, a pena máxima que pode ser aplicada é a perpétua.

Essa não é a primeira vez do ator no tribunal. Em 2017, em meio ao fervor do movimento MeToo, o ator Anthony Rapp acusou Spacey publicamente de má conduta sexual no final dos anos 1980, quando tinha apenas 14 anos. Segundo a acusação, Spacey o pegou no colo durante uma festa, colocou o então adolescente na cama e se deitou sobre ele, que conseguiu se desvencilhar e deixar o local. Na época, a denúncia criminal foi considerada prescrita, e a ação civil que reivindicava indenização financeira julgada improcedente.

Mesmo com o resultado favorável a Spacey, o caso desencadeou uma série de outras acusações contra o ator. Ainda em 2017, por exemplo, uma investigação interna do teatro Old Vic resultou em 20 denúncias anônimas de um suposto comportamento impróprio de Spacey durante seu tempo como diretor artístico.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.