Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Bilionário japonês é lançado ao espaço em missão russa

Yusaku Maezawa e seu assistente, o cineasta Yozo Hirano, ficarão doze dias na Estação Espacial Internacional

Por Alessandro Giannini Atualizado em 8 dez 2021, 12h56 - Publicado em 8 dez 2021, 12h48

O bilionário japonês Yusaku Maezawa e seu fiel escudeiro, o cineasta Yozo Hirano, pegaram carona na missão Soyuz MS-20 até a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), onde passarão 12 dias. Liderada pelo cosmonauta russo Alexander Misurkin, decolou nesta quarta-feira, 8, às 4h38, horário brasileiro, da estação de lançamento de Baikonur, no Cazaquistão. Os dois serão os primeiros turistas a visitar a estação espacial desde 2009. O preço da viagem não foi divulgado.

“Eu gostaria de olhar para a Terra do espaço”, disse Maezawa a um grupo de jornalistas antes do lançamento. “Quero experimentar a oportunidade de sentir a ausência de peso. E também tenho uma expectativa pessoal: estou curioso em como o espaço vai me mudar, como vou mudar depois deste voo espacial.” Seu companheiro de viagem, Hirano vai registrar a viagem em vídeo.

Maezawa é fundador do maior shopping online de moda do Japão, ZozoTown, e tem uma fortuna avaliada em 2 bilhões de dólares, de acordo com a revista Forbes. Com mais de 10 milhões de seguidores no Twitter, ele é muito ativo nas redes sociais. Além das viagens espaciais e dos trabalhos sociais, sua outra paixão é a arte. Em 2007, pagou 110,5 milhões de dólares por uma pintura de Jean-Michel Basquiat de 1982.

As viagens russas haviam sido suspensas há mais de uma década. Maezawa terá “quase 100 tarefas” para realizar, muitas das quais foram sugeridas por seus seguidores. Essa viagem espacial não será a última do bilionário, já que ele alugou um foguete SpaceX para uma viagem ao redor da Lua programada para 2023, com convidados especiais que ele ainda está selecionando.

Continua após a publicidade

Publicidade