Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Suspeito de assalto é agredido e imobilizado por passageiros no metrô

Homem tinha passagens na polícia por furto e foi atacado quando assaltava uma jovem no centro da capital paulista

Um grupo de pessoas atacou e imobilizou um suspeito de assalto na porta da estação do metrô Dom Pedro II, no centro de São Paulo, nesta segunda-feira. O homem foi agredido, imobilizado e colocado contra uma grade até a chegada da Guarda Civil Metropolitana, que o algemou e levou para o 1º Distrito Policial, na Sé, onde está preso. O homem já tem passagens na polícia por furto.

Homem é rendido por passantes após tentativa de assalto na passarela do Expresso Tiradentes em São Paulo (SP)

 (/)

Por volta das 12 horas, uma mulher caminhava pela passarela que liga o Expresso Tiradentes à estação de metrô Dom Pedro II quando foi abordada pelo suspeito. Na tentativa de roubar um celular, ele a agarrou pelo pescoço e a ameaçou com uma faca. Em seguida, quatro homens o atacaram e o imobilizaram. Rendido, ele foi agredido com chutes por dezenas de pessoas que passavam pelo local.

Os seguranças do metrô não intervieram na situação. A assessoria do Metro informou que o caso não foi registrado.

A Polícia Militar informou que o homem foi detido em flagrante por roubo por homens da GCM.

A ação lembrou a prática adotada por “justiceiros” para aplicar punições à revelia da lei e fazer justiça com as próprias mãos em outros Estados do país. Na última semana, um acusado de assalto foi espancado com uma barra de ferro em São Gonçalo (RJ), e outro foi arremessado em um formigueiro em Teresina (PI).

Leia também:

Brasil, ainda um país de justiceiros e justiçados

A tranca de bicicleta e a selvageria no Rio