Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Marta vai ‘até o fim’ com candidatura, mas sem ‘guerra’

Por Da Redação 5 set 2011, 08h50

Por AE

São Paulo – Em reunião com um grupo de petistas, a senadora Marta Suplicy (PT-SP) avisou que “não quer guerra”, mas que “irá até o fim” na tentativa de viabilizar internamente a sua candidatura para a Prefeitura de São Paulo no ano que vem. Em jantar com quatro parlamentares do PT em um restaurante de Brasília na sexta-feira, a ex-prefeita paulistana afirmou que, mesmo sem o apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, trabalhará para vencer as prévias internas do PT, marcadas para o final de novembro.

Marta disse ainda ao grupo ter ficado “recolhida” nestes últimos dias para evitar a ideia de que estaria promovendo um “confronto” com Lula. O ex-presidente articula com outras lideranças petistas a candidatura do ministro Fernando Haddad (Educação). Em reunião com Marta há 15 dias, o petista não pediu a ela que retirasse a pré-candidatura, mas declarou achar importante que continuasse no Senado em 2012.

Acuada no PT em razão das articulações de Lula pró-Haddad, Marta chamou para jantar os petistas que veem com bons olhos sua candidatura: o líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza, os deputados João Paulo Cunha e José Mentor e o deputado estadual João Antonio.

Marta também disse que pretende retomar a participação nas plenárias pela capital, organizadas pelo partido para debater temas da eleição do ano que vem. Avisou, no entanto, que não será sempre que poderá participar dessas reuniões internas. A ausência da senadora nos últimos encontros do partido pelos diretórios zonais do PT levantou a suspeita de que ela iria desistir da pré-candidatura. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)