Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Barroso, do STF, critica quem vive com ‘dinheiro desviado’

Para o ministro, o Brasil é um país que "se perdeu na história"

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, afirmou nesta terça-feira, que o Brasil é um país que “se perdeu na história” e defendeu punição às pessoas que se acostumaram a viver com “dinheiro desviado do povo brasileiro”. A declaração de Barroso foi dada em São Paulo durante palestra promovida pela consultoria de negócios Consulting House.

“Nós somos um país que se perdeu na história, que se desencontrou de si mesmo, que se desencontrou da sua gente, que se desencontrou do seu destino. É preciso começar a mudar a partir dessa constatação evidente”, afirmou o ministro no evento, segundo o jornal Valor Econômico.

Para o ministro, é “impossível não sentir vergonha” da corrupção no Brasil. Ele fez uma referência às delações do Grupo J&F, do empresário Joesley Batista, que gravou o presidente Michel Temer. Foi essa delação que embasou a denúncia de corrupção passiva do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra o peemedebista.

“Os áudios, os vídeos e as malas de dinheiro”, afirmou Barroso. “As provas saltam de qualquer espaço.” O prosseguimento da denúncia contra Temer foi barrado pela Câmara dos Deputados na semana passada. Um dia depois da votação no plenário, em um simpósio de Direito, Barroso havia afirmado, sem citar nomes, que havia uma “operação abafa” em curso contra a Lava Jato.

Reforma

O ministro do STF foi enfático ao pregar mudanças na rotina do país, até mesmo na política, que ele definiu como “gênero de primeira necessidade”. Barroso sugeriu que “é preciso constatar isso para começar a mudá-lo”. Para ele, a política é um gênero de primeira necessidade e, por isso, “é preciso resgatá-la”.

O ministro também citou a importância da reforma política, atualmente em discussão na Câmara dos Deputados, e defendeu financiamento de campanha que não seja empresarial, que “nos trouxe para esse quadro devastado”.

(Com Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. news da hora

    Esperamos que o ministro Barroso ajude a ministra Carmen lúcia a administrar bem as próximas eleições de 2018 , principalmente proibindo candidaturas de raposas velhas e ladronas como o Lula , Renan , Aécio e cia . Tem que deixar que nomes limpos , novos e honestos possam concorrer as eleições de 2018 para presidente . Já existe nomes como o do ministro Joaquim Barbosa , Luciano Huck , Bernardinho do Vôlei , Carmen Lúcia , Deltan Dellagnol , Hermen Benjamin , Roberto Justus , … . Tem que ser opções novas !

    Curtir

  2. Ataíde Jorge de Oliveira

    São T’ANTA$ 😮
    as Fôrmas de DE$VIO
    ,Excelência! — Todas $ancionada$ pelo demoKRäPTiKº estado_poLLiÇiaLL
    ,E.RELAcTOR 😮

    Curtir

  3. Sergio Bertoni

    Tá ótimo Sr ministro, mas então segure esses crimonos na cadeia, pegue de volta todo o patrimônio desses bandidos, mostra para o cidadão de bem que vale a pena ser honesto e que o crime não compensa.
    Simples. De valor ao trabalhador honesto que vive com cara de trouxa.

    Curtir

  4. Marcio Ferreira

    Barroso eu te olhava meio desconfiado quando assumiu o STF mas agora vejo que vc pode fazer a diferença no mesmo a favor do povo brasileiro com as sas colocações justas e sensatas. Parabéns!

    Curtir

  5. Sempre é preciso isso e aquilo futuramente. Vamos AGIR agora, neste instante!

    Curtir

  6. Osmar Serrragem

    Estamos a ver um homem perplexo. Que bom! Devia estar é estupefato! Que nem a Dilma…

    Curtir