Clique e assine com 88% de desconto
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

O golpe de Janot 4 – O inquérito contra Temer precisa ser extinto

O ministro Alexandre de Moraes sabe que o uso de gravações clandestinas para incriminar é ilegal. Vale dizer: o inquérito está ancorado numa ilegalidade

Por Reinaldo Azevedo - Atualizado em 22 maio 2017, 07h19 - Publicado em 22 maio 2017, 06h52

Pois é… Na quarta-feira, o Supremo decide se suspende o inquérito contra Michel Temer até que saia o resultado da perícia na gravação.

Vamos ver. De imediato, digo uma coisa: não tem de suspender. Tem é de extinguir. Levo muita fé no primeiro voto, para começar os trabalhos, que é o de Alexandre de Moraes.

“Como? Você está dizendo que leva fé no voto de um ex-ministro de Temer?” Pois é… É que levo ainda mais fé no arcabouço legal.

O ministro Alexandre de Moraes sabe que o uso de gravações clandestinas para incriminar é ilegal. Vale dizer: o inquérito está ancorado numa ilegalidade.

Publicidade

Assim, imagino aqui um primeiro voto de Alexandre que proponha a extinção do inquérito logo de cara.

Publicidade