Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Odebrecht recorre ao Supremo por letargia do MPF

Reclamações já foram feitas ao MPF, mas não surtiram efeito

A Odebrecht recorreu ao STF para apurar vazamentos de documentos e delações da empreiteira no exterior que apenas o MPF tinha acesso, já que a cláusula de sigilo de acordos em outros países está sob prazo indeterminado, definido pelo ministro Edson Fachin.

Procuradores e ministros da Corte estão em pé de guerra por censura à matéria da revista Crusoé.

O apelo à instância superior é o último recurso da Odebrecht, que já reclamou de vazamentos junto ao MPF e à PGR. Até agora, a chiadeira não deu em nada.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s