Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Mudança na suplência

O Senado poderá reduzir de dois para um o número de suplentes de senador e vedar a eleição de suplente que seja cônjuge, parente consanguíneo ou afim, até o segundo grau ou por adoção do titular (leia mais em Na pauta). A proposta ainda prevê que se o titular deixar a vaga até 120 dias das […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 10h39 - Publicado em 27 set 2011, 11h29

O Senado poderá reduzir de dois para um o número de suplentes de senador e vedar a eleição de suplente que seja cônjuge, parente consanguíneo ou afim, até o segundo grau ou por adoção do titular (leia mais em Na pauta).

A proposta ainda prevê que se o titular deixar a vaga até 120 dias das próximas eleições gerais, sejam municipais, federais e estaduais, o novo senador será eleito em pleito simultâneo a essas eleições. O suplente ficaria no cargo apenas até a posse do novo senador, no dia 1 de fevereiro do ano seguinte à eleição.

Publicidade