Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deputados cobram medidas para evitar queimadas no Pantanal e Amazônia

Comissão retoma trabalhos nesta quinta-feira com objetivo de encontrar responsáveis pelos incêndios

Por Manoel Schlindwein Atualizado em 18 mar 2021, 08h16 - Publicado em 18 mar 2021, 09h32

Sem espaço na Comissão de Meio Ambiente da Câmara dos Deputados, ocupada pela governista Carla Zambelli (PSL-SP), parlamentares da oposição devem fustigar a área ambiental do governo, a partir de outros canais. A comissão formada para acompanhar os incêndios florestais recordes em 2020 – que consumiram quase metade do Pantanal – retoma os trabalhos nesta quinta-feira. O grupo, liderado pela deputada Rosa Neide (PT-MT), pretende cobrar do governo federal medidas para evitar a repetição do desastre em 2021.

Outra prioridade do grupo é levantar responsabilidades nos incêndios, que atingiram a Amazônia no mesmo período. Estarão à prova as repetidas declarações do presidente Jair Bolsonaro culpando “os roçados de índios e caboclos” pelo fogo na região. Segundo ambientalistas, as queimadas estão cada vez mais ligadas a desmatamentos ilegais em grandes áreas.

Publicidade