Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deputado quer cônjuges em Brasília para evitar traições

Trata-se de uma promessa de campanha do deputado Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ), na disputa para líder da Frente Parlamentar Evangélica

Por Evandro Éboli - Atualizado em 22 mar 2019, 16h07 - Publicado em 22 mar 2019, 10h30

Candidato a coordenador da Frente Parlamentar Evangélica na Câmara – sim, terá eleição para o posto -, Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) lançou um programa com dezesseis propostas na sua campanha. O que mais chama atenção é o item 10: “promover reuniões com cônjuges de parlamentares”.

Procurado, Sóstenes explicou que se trata de uma prevenção, com o intuito de evitar que os deputados, ou deputadas, longe dos seus respectivos cônjuges, que ficam nos estados de origem do parlamentar, se envolvam em relações extraconjugais.

Ele estuda a criação até de uma espécie de fundo para bancar as despesas.

“Sabe quanto custa uma passagem de ida e volta para o Acre?!”, diz Sóstenes.

Continua após a publicidade

O deputado promete ainda um censo nacional sobre quantos são os políticos evangélicos, um planejamento mensal dos cultos a serem realizados no Congresso Nacional e até a defesa da transferência da embaixada de Israel do Brasil para Jerusalém.

Reprodução/Reprodução
Publicidade