Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Deputado da comissão do canabidiol defende liberação da maconha

Bacelar defende o "liberou geral" da droga

Por Evandro Éboli - 15 out 2019, 09h15

Integrante da comissão que discute produção de medicamentos a partir do canabidiol, o deputado Bacelar (Pode-BA) tem uma ideia que pode tocar fogo no colegiado.

O parlamentar é a favor da liberação da maconha para uso recreativo, como lazer.

“Defendo a liberação por uma questão filosófica. Não cabe ao Estado dizer o que devo fazer nos meus horários livres. Eu bebo, fumo, posso ler, ir à praia, deitar rede. E posso nem fazer nada também. E, outro ponto, está provado que a maconha não causa malefício. Tranquiliza as pessoas, as torna mais sociáveis, mais amigáveis. Diferente do álcool”, disse Bacelar ao Radar.

Mas ele não sabe se irá apresentar essa emenda na comissão. Está em dúvida. Acha que pode “intoxicar” a discussão da chamada maconha medicinal.

Continua após a publicidade

“Ampliar tanto assim não sei pode atrapalhar a aprovação do uso medicinal, que hoje conta com apoio até das igrejas neopentecostais”.

Publicidade