Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Bolsonaro deve dar ‘demonstração concreta’ de trégua, diz Simone Tebet

Senadora aconselha o presidente a retirar a Medida Provisória editada por ele para dificultar a retirada de notícias falsas das redes sociais

Por Robson Bonin Atualizado em 10 set 2021, 11h48 - Publicado em 10 set 2021, 14h30

A senadora Simone Tebet engrossa o coro dos integrantes do Congresso e do STF que enxergam com descrença a carta assinada por Jair Bolsonaro com promessas de moderação.

Esse filme já se repetiu tantas vezes, sempre com Bolsonaro voltando a radicalizar o discurso, que ninguém mais acredita no presidente em Brasília. As autoridades que lideram o jogo precisam dar o voto de confiança a Bolsonaro porque, do contrário, teriam que lidar com ele e encarar o verdadeiro problema que toma conta do Planalto.

Como os partidos do centrão — e até mesmo os de oposição — preferem ter um presidente fragilizado no palácio a jogar o país na tormenta de um processo de impeachment, todos combinaram nesta quinta que Bolsonaro foi realmente tomado por um sentimento de moderação nunca antes visto.

Tebet cobra do presidente uma “demonstração concreta” de compromisso com a trégua. Como? Retirando a Media Provisória que ele assinou para dificultar a retirada de fake news das redes sociais.

“O presidente precisa dar demonstração concreta de trégua. Um exemplo? A revogação da MP 1.068. Caso contrário, continuaremos a avaliar a carta, não escrita, mas assinada por ele, apenas como uma tentativa de evitar o xeque-mate das instituições”, diz Tebet.

Continua após a publicidade

Publicidade