Clique e assine a partir de 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Evandro Éboli, Mariana Muniz e Manoel Schlindwein. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Bento Albuquerque recusa vaga em tribunal; veja provável escolhido

Pela tradição, o almirante mais antigo na ativa é o escolhido quando há uma vaga aberta no STM

Por Robson Bonin, Evandro Éboli - Atualizado em 7 fev 2020, 19h36 - Publicado em 7 fev 2020, 19h35

Com a aposentadoria antecipada do ministro e almirante Carlos Augusto Souza no Superior Tribunal Militar, a vaga aberta na Corte seria naturalmente destinada ao ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque — pela tradição, o almirante mais antigo na ativa é o escolhido quando há uma vaga aberta no STM, o caso de Bento.

Há alguns dias, Bento foi sondado para ser o indicado pelo presidente Jair Bolsonaro. O ministro teve uma conversa com o presidente e disse que desejava continuar servindo ao governo no Ministério de Minas e Energia.

Com a negativa de Bento, o provável indicado à vaga será o almirante Leonardo Puntel, do Comando de Operações Navais. Isso, claro, se Bolsonaro seguir a tradição e se o próprio Puntel aceitar.

Publicidade