Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Maquiavel Por Coluna A política e seus bastidores. Informações sobre Planalto, Congresso, Justiça e escândalos de corrupção. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

MG: Zema lidera disputa ao governo com mais de 20 pontos à frente de Kalil

Com 69,4% de aprovação, governador também derrotaria o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG) em projeções para 2022, segundo o Paraná Pesquisas

Por Camila Nascimento 24 fev 2021, 11h43

O atual governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo-MG), lidera com folga quatro cenários para a eleição do governo do estado em 2022, segundo levantamento feito pelo instituto Paraná Pesquisas entre os dias 18 e 22 de fevereiro. Antes de se eleger em 2018, derrotando nomes tradicionais como os ex-governadores Antonio Anastasia (PSD) e Fernando Pimentel (PT), Zema, que é empresário, nunca havia ocupado um cargo político.

No primeiro cenário, Zema aparece com 43,8% das intenções de voto, seguido pelo prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), reeleito em 2020 ainda no primeiro turno, com 23,5%. A margem de erro do levantamento é de 2,5 pontos percentuais para mais ou para menos.

Na sequência, aparecem o deputado federal André Janones (Avante), com 5,5%; o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM), com 4,4%; o ex-prefeito da capital Patrus Ananias (PT), com 2,6%; a deputada federal Áurea Carolina (PSOL); com 2,5%; o ex-ministro do Turismo e também deputado federal Marcelo Álvaro Antônio (PSL), com 1%; o deputado federal Paulo Abi-Ackel (PSDB), com 1%; e o deputado estadual Agostinho Patrus (PV), com 0,6%. Não souberam ou não responderam 6% dos eleitores entrevistados, enquanto 9,2% afirmaram que votarão nulo, em branco ou em nenhum.

VEJA OS OUTROS CENÁRIOS:

Sem o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

Sem o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD).

Sem o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), e sem o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

Aprovação

A mesma pesquisa apontou que a gestão de Zema é considerada ótima ou boa por 50,8% dos consultados, regular por 30,4% e ruim ou péssima por 17% — 1,8% dos entrevistados não souberam responder ou não quiseram opinar. Em outra pergunta, 69,4% disseram que aprovam o seu governo, enquanto 25,8% afirmaram que desaprovam — 4,8% não souberam responder.

O Paraná Pesquisas entrevistou por telefone 1.638 eleitores, em 86 municípios de Minas Gerais.

 

Continua após a publicidade
Publicidade