Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

No Aqui entre Nós, da TVeja, Augusto Nunes conversa com Joice Hasselmann sobre a pesquisa Datafolha desta semana

http://videos.abril.com.br/veja/id/9d12a79c065736160c254ced84b55732?

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Oliver

    É DE PRÁSTICO
    Permite a opinião?
    Um pedido do grande amigo Rey-BH é mais que um pedido, não é mesmo? Também creio que, como nas palavras do timoneiro deste nobre espaço de contendas, não é fácil fazer uma análise como esta, onde vemos que vamos perder por todos os lados de novo. Acho que existe uma confusão no ar entre produto e propaganda ( candidato e campanha ) e entre político e candidato. Acredito no produto e por isso pretendo consumi-lo em outubro, seja com que propaganda ruim ele tiver. Já no campo das “negociatas” que fazem a política, acho que há uma hipocrisia no ar sem precedentes, uma vez que está claro que nenhum dos três candidatos é capaz de governar sem apoio e estrutura. Mesmo o PT é um partideco, e tende a ser ainda mais partideco depois de outubro. É o coronelato do PMDB que permite que estes cretinos façam o que eles fazem por aqui, na base da propina e da empulhação. Vença Marina ou Aécio, a situação tende a piorar exponencialmente, com um confronto ainda maior pelo quinhão de poder que o legislativo e o executivo insistem em confrontar para negociar. Qualquer um dos três eleitos precisará invadir o campo do outro para governar, uma vez que cada um só é detentor de um terço do eleitorado. Aécio nem isso. Sua claque só vai esperar o enterro para debandar e fazer suas próprias escolhas, aliás, como já fez um certo governador daqui mesmo. Acho uma sacanagem. Aécio é que precisa se posicionar, não Marina. Ele é o fiel da balança agora. O Rubinho pé de chinelo da vez, atrapalhando o meio de campo com seu terceirismo convicto. Até as eleições, será muito tarde para usar o capital político que ele ainda ostenta hoje para ser governo. FHC foi ministro do Itamar; qual é? Vai ficar cheio de pruridos e levar seus eleitores do voto nulo em Marina para onde? Vai bater na pessoa errada por que? Vamos encarar calados o tal de “comitê de busca de homens de bem” ou liquidar a fatura logo e colocar a jamanta para fora do palácio? Minha impressão sobre as eleições de outubro, meu caro Rey, são as mesmas daquela piada do alemão chamado manoel que entrou no elevador e o ascensorista pergunta: – Em que andar o senhor vai? – Qualquer um; já errei o prédio mesmo ! – acho que estamos no andar errado do prédio errado, meus caros. Ou será que agora o contrário de duas esquerdas não é uma terceira esquerda? Vou votar em Aécio no primeiro turno e acho uma hipocrisia esconder a estratégia no segundo turno. Aliás, em quem mesmo Aécio vai votar no segundo turno? É uma pergunta que o eleitorado dele gostaria de saber, não é mesmo? Vai anular o voto, dando uma de Marina 2010? Vai deixar para avaliar só na hora? Vai se declarar neutro em apoio ao Serra? Percebem o tamanho da hipocrisia em que estamos metidos? Ou será que o Serra não tentou colar sua imagem na do Lula para se eleger? Vale qualquer pernada pela sentada na cadeira quente? Depois a gente avalia a sujeira que fez para chegar no palácio? Me inclua fora dessa, amigo. Nossa querida Tina Boots foi a primeira deste espaço a dizer que não se faz em 45 segundos o que a oposição não fez em doze anos. Basta acompanhar um pouquinho só a oposição na minúscula Venezuela para sair pra vomitar por defendermos a nossa. Vou votar nela por uma questão de decoro apenas e não de alinhamento. Que ela não merece representar 70% de nosso eleitorado, isso não merece mesmo. Está pastando o que vem plantando nestes doze anos de confraria, seja com quem for que chegar ao poder. Nunca é tarde para lembrar que os dois pilares da semvergonhice acabada que grassa neste país por uma geração inteira – a bolsa miserável e a escola sem repetentes – são duas obras cheias de boas intenções de um grande tucano, que afirma que “a miséria eternizada no voto e a bolsa que ela representa vieram para ficar”. Eu teria vergonha de afirmar isto. Ele não tem nenhuma. Você defende isso sem contestação? Ou será que são todos iguaizinhos, naquilo que realmente nos interessa? Essa oposição que temos por aqui é de prástico. Uma lástima.
    Certíssimo, grande Oliver. Vou tratar desse assunto muitas vezes, mas acho necessário adiantar algumas obviedades. Uma delas: o próprio PT está cuidando de deixar claríssimo que é muito pior que qualquer outra opção. Não preciso reiterar as restrições que faço à Marina. Mas é hora de mostrar certas diferenças relevantes. Marina jamais fará uma campanha eleitoral tão sórdida quanto a que tem feito o PT. Ela não tentará destruir a imprensa independente. Ela não encampará a política externa da canalhice. Ela não é ladra. Essas e outras constatações berram que é hora de costurar acordos que o Tancredo sempre soube fazer (ou ao menos tentar fazer) para derrotar o inimigo principal. Temos de escolher o perigo menor.
    Votar nulo é votar na Dilma. Conheço eleitores do Aécio que ainda pretendem anular o voto no segundo turno. Não conheço um único eleitor do Aécio que se disponha a votar na Dilma no segundo turno. abração

    Curtir

  2. Comentado por:

    Wolff

    Passava vick vaporub, chá de erva cidreira, fazia inalação e tu estava inteirinha no dia seguinte, affff, que olhos são esses…

    Curtir

  3. Comentado por:

    Wolff

    Agora é sério, ótima entrevista, como sempre o Augusto arrebenta na análise dos fatos, continuem, estou ficando viciado na veja!

    Curtir

  4. Comentado por:

    Paulo

    Cuidado com dois fatores conjugados : As pesquisas manipuladas e as urnas eletrônicas. Tudo programado para ter um final feliz.

    Curtir

  5. Comentado por:

    Claudio

    O povo brasileiro não é só bovino, boa parte (1/3) é conivente com a corrupção pela sua moral de macunaíma. Aceitar os níveis de violência e corrupção que temos hoje no Brasil só demonstram isso de forma cabal, mas cabe aos 1/3 que não são bovinos nem corruptos, e principalmente, aos 1/3 omissos que acham que votar em branco ou nulo, ou que todos os políticos são iguais, se unirem no segundo turno para varrer o PT e esses 1/3 de beneficiários de um sistema sórdido e imoral que tomou conta do poder há 12 anos. Como o Augusto falou, quem vota em Aécio, não voto no PT em hipótese alguma!

    Curtir

  6. Comentado por:

    Jacqueline

    O PSDB vai passar de tucano para formiga. Ô partido frouxo, viu?

    Curtir

  7. Comentado por:

    Augusto

    Hummm… Enenice Guerra melhor “amiga” da Dilma?
    .
    Uiiii!!! Sei, sei, vai vendo…
    .
    Kkkk…

    Curtir

  8. Comentado por:

    Andrei

    Gostaria de parabeniza-los pelo excelente trabalho jornalístico.
    Mas tenho uma sugestão, o áudio da Joyce está excelente, porém do Augusto Nunes ou dos outros convidados em outros vídeos da TVeja está com o volume muito baixo.

    Curtir

  9. Comentado por:

    Wyngolet.

    Caro Augusto.
    Agora, sou obrigado a ir ao médico todas as semanas e ainda, dizem que os brasileiros não leem.
    Explico.
    Ha várias semanas não consigo comprar a Resista Veja então, tenho que passar no consultório do meu médico.
    Sinto, que o melhor é voltar a assinar a revista.
    Parabéns Veja. Democracia investigativa pura.

    Curtir

  10. Comentado por:

    Wyngolet.

    A coisa está se complicando ainda mais, para o PT que até a camarilha está querendo fritar os chefes do bando. Duas grandes empreiteiras pediram uma espécie de acordo “leniência” para deporem sobre seus envolvimentos no desvio de verba da Petrobras.
    É muito vazamento de sujeira e o PT agora, começa a ficar até, sem cimento para estancar a enxurrada de corrupção destruindo suas barragens de proteção.

    Curtir