Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

As quadrilhas do bingo endossam o telegrama do embaixador americano

Na discurseira que animou o 4° aniversário da anunciação do PAC, Lula formalizou seu apoio a Julian Assange (sem conseguir recordar o nome do fundador do WikiLeaks, estrangeirice que não conseguiu pronunciar), estranhou a falta de “protestos contra a liberdade de expressão” e mostrou-se interessado na continuação da série de telegramas “que estão desembaraçando a […]

Na discurseira que animou o 4° aniversário da anunciação do PAC, Lula formalizou seu apoio a Julian Assange (sem conseguir recordar o nome do fundador do WikiLeaks, estrangeirice que não conseguiu pronunciar), estranhou a falta de “protestos contra a liberdade de expressão” e mostrou-se interessado na continuação da série de telegramas “que estão desembaraçando a diplomacia americana”. Foi atendido na mesma quinta-feira por um texto embaraçoso para o falastrão incontrolável.

Num dos documentos que deixaram de ser confidenciais graças ao WikiLeaks, o embaixador americano Clifford Sobel faz uma constatação: “O presidente Lula falhou na promoção de reformas para abolir a cultura política de corrupção, clientelismo e espoliação”. A sorte de Lula é que o telegrama foi expedido em 2008, antes das bandalheiras de 2009, da campanha eleitoral de 2010, da performance do companheiro Gim Argello como relator do Orçamento, da montagem do ministério de Dilma Rousseff e de outros surtos de “corrupção, clientelismo e espoliação”.

Um deles, patrocinado pelas quadrilhas que exploram o bingo, conseguiu espantar até gente que já não se espanta com nada. “A corrupção está rolando solta aqui!”, exclamou na tribuna da Câmara, também nesta quinta-feira, o deputado federal Fernando Chiarelli, perplexo com a aprovação na véspera, por 258 parlamentares, da votação em regime de urgência do projeto que libera a jogatina. “Traficante, hoje, eu vi pelo menos uns 200 rodando aqui em Brasília. Eles não estão nos morros do Rio, não. Estão aqui, fazendo lobby para aprovar o bingo. E vão aprovar”.

Se testemunhasse tais fatos, Sobel saberia que Lula não falhou em nada. Ele nunca tentou abolir delinquências incorporadas ao que o embaixador chamou de “cultura política”. O que fez o presidente foi aperfeiçoar essas práticas obscenas, das quais tem sido o principal beneficiário, e institucionalizar a impunidade dos bandidos de estimação. O legado de Lula inclui o perturbador avanço do processo de decomposição moral do Brasil.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Angelo

    Senhores,o maior bingo já aprovado,é o bingo do
    congresso nacional,lá o jogo de interesses,é dis-
    putado,diuturnamente e descaradamente e quem sai
    perdendo sempre é o povo.

    Curtir

  2. Comentado por:

    João

    morg, achar que só empresas idôneas abririam casas de jogo no Brasil é de uma ingenuidade que chega a ser emocionante. O resultado óbvio seria a bandalheira generalizada, troca de favores éntre políticos e empresários, políticos abrindo empresas no nome de testas-de-ferro para obter licenças para operar casas de jogos, muitas pessoas sendo assassinadas por descobrirem as falcatruas, e, no final das contas, o Brasil como centro mundial de lavagem de dinheiro.
    Pessimismo? Não. Realismo.

    Curtir

  3. Comentado por:

    Jeremias-no-deserto

    “O Brasil que Lula inventou é um pobretão que se faz de rico usando um fraque puído nos fundilhos.”Que melhor definição para a nossa real penúria, herança inglória do matuto de garanhuns?E é agora ou nunca que essa oposição tem que sair das sombras e se revelar como tal, justamente agora que recomeça o chororô seboso do molusco-mor ameaçando com o ressurgimento da maldita CPMF.É preciso reagir, agitar, ir às ruas, mobilizar, fazer de tudo para sepultar de vez com essa idéia de jerico de penalizar ainda mais o contribuinte brasileiro. Longa vida a Fernando Henrique Cardoso, a voz mais lúcida dessa oposição raquítica e pusilânime.

    Curtir

  4. Comentado por:

    Fernando Maciel Rodrigues

    Prezado Augusto, esse governo está fazendo no Brsil o que o Leonel Brisola fez no Rio de Janeiro: socializou a bandidagem. O que estamos presenciando hoje lá na “cracRIOlândia”é que veremos daqui a mais laguns anos, ou meses. Hoje a droga viaja pela internet. E há internautas voando na overdose, principalmente na capital da república, com direito a embaixador e simpatizantes.
    Alguma coisa precisa ser feita. Nosso país não merece o abismo para onde estão tentando empurrá-lo!

    Curtir

  5. Comentado por:

    morg

    João qualquer atividade econômica que não tenha fiscalização pode servir contravenção. Dizer que só o bingo permite lavagem de dinheiro e corrupção é no mínimo desinformação. Essa atividade existe em mais de 130 países no mundo de forma legal e controlada. Será que só no Brasil serviria para tais ilicitudes? Será que os demais jogos existentes não podem ser utilizados para tal? Alguém garante que os inúmeros ganhadores de bilionários prêmios da Mega Sena, geralmente de pequenas cidades do interior, são verdadeiros? Você se lembra dos Anões do Orçamento? Um deles garantiu que havia ganhado mais de 100 vezes. Compra de bilhetes premiados sempre existiu. Você já pensou qual o faturamento da Tele-Sena do SS em que qualquer pessoa, inclusive crianças, pode comprar sem restrições e é anunciada ao vivo em todo Brasil em qualquer horário?
    morg

    Curtir

  6. Comentado por:

    guybarrroso

    Caro Augusto,
    Isso tudo é mito.
    As máfias já perderam o controle sobre o jogo em Las Vegas a muito tempo.
    As principais empresas de gaming tem ações em bolsa.
    Os principais cassinos americanos também.
    Esse é exatamente um dos resultados da legalização, máfias perdem espaço, cassino é um negocio extremamente complexo e mafiosos são administradores grosseiros.
    Recomendo a leitura do excelente artigo escrito pelo Jornalista Magnho José:
    http://www.magocom.com.br/bnl/noticia.aspx?tipo=1&cod=4588
    Vamos melhorar o nível do debate sobre o assunto, por hora só temos reações histéricas repetindo chavões falsos.

    Curtir

  7. Comentado por:

    Carlos Martins Ferraz

    Onde está meu comentário caro jornalista, tão defensor da liberdade de imprensa e expressão, publique-o, não faça como fez hoje O Globo, Estadão, Globo.com, Uol, não noticiando está beleza de notícia.
    Que notícia?

    Curtir

  8. Comentado por:

    Carlos Martins Ferraz

    Esta noticia, que saiu na Folha hoje e agora está só para assinantes, mas reproduzida no blog abaixo.
    Só sai se, junto, você mandar aquela retratação vergonhosa.

    Curtir

  9. Comentado por:

    Carlos Martins Ferraz

    que retratação vergonhosa?
    Leia o teu blog preferido.

    Curtir

  10. Comentado por:

    fafa

    Ah, Augusto, vou desistir..vc não libera meus comentários mesmo.
    Boa noite!

    Curtir