Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

A meta do Brasil com cérebro é livrar-se da governante que duplica metas inexistentes

  Um discurso de Dilma Rousseff só não é pior que o próximo, aqui se constatou no fim de junho, durante a passagem da comitiva presidencial por Nova York. Alguns leitores duvidaram: como poderia superar-se a campeã que conseguira, num único palavrório, enxergar no Petrolão a reedição da Inconfidência Mineira, promover-se a Tiradentes, comparar a […]

http://videos.abril.com.br/veja/id/8e1c4fcaa3ccfd523dd8903b89d3cc23?

 

Um discurso de Dilma Rousseff só não é pior que o próximo, aqui se constatou no fim de junho, durante a passagem da comitiva presidencial por Nova York. Alguns leitores duvidaram: como poderia superar-se a campeã que conseguira, num único palavrório, enxergar no Petrolão a reedição da Inconfidência Mineira, promover-se a Tiradentes, comparar a Operação Lava Jato a uma gigantesca sessão de tortura e rebaixar a inimigos da pátria os réus que optaram por um acordo com o Ministério Público Federal?

O ceticismo foi destroçado pela saudação à mandioca, que precedeu a comunhão com o milho, à qual sobreveio a descoberta da mulher sapiens. Mais alguns dias e outro delírio em dilmês castiço ensinou que pouquíssimos “processos tecnológicos” foram tão relevantes para a Humanidade quanto a conquista do fogo e a cooperação. Não era pouca coisa para um julho só. Mas não era tudo, demonstrou nesta terça-feira a proeza consumada na festinha de batizado do Programa Pronatec Jovem Aprendiz na Micro e Pequena Empresa.

Dilma descobriu uma fórmula que permite duplicar o nada, resumiu o site de VEJA. O vídeo de 18 segundos eternizou o momento soberbo. “E nós num vamos colocar uma meta, nós vamos deixar uma meta aberta”, decola a oradora. Se é assim, não há meta a alcançar, certo? Errado, corrige a continuação da maluquice: “Quando a gente atingir a meta, nós dobramos a meta”. Animada com a salva de palmas, caprichou no bis: “Quando a gente atingir a meta, nós dobramos a meta”. Mais aplausos. (É uma pena que sabujice não dê cadeia. Mas isto é assunto para outro post).

A presidente que multiplica por dois metas inexistentes quer ficar no emprego mais três anos e meio. A meta do Brasil com cérebro é ver dissolvido por meios legais ─ e o quanto antes ─ um governo que deixou de existir sem ter começado.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    helton

    a dilma,com letra minuscula mesmo porque falar de anta só assim mesmo.E lamentável agora o brasil ta lascado e um lado pt ladrão e do outro uma oposição bandida.E agora quem poderá nos defender.

    Curtir

  2. Comentado por:

    Francisco Oliveira

    Fora Dilma, LulaDRÃO e PTralhas

    Curtir

  3. Comentado por:

    Celso Vanuil de Oliveira

    O Brasil com cérebro é minoria absoluta da população.
    Fica difícil assim.

    Curtir

  4. Comentado por:

    Mauricio G, de Oliveira

    A sra PRESIDENTA COMPETENTA,FILOSOFA INTELIGENTA, ira alcancar uma meta inexistente, e quando alcancar ela ira dobrar.
    Sera que esta ANTA,pode explicar como se dobra algo inexistente????????
    Ela como “DOUTOURA EM ECONOMIA” DEVE saber como ira enrolar este embrulho que e o BRASIL.
    DIGA LA doutoura, COMO E QUE SE FAZ ESTA MAGICA.

    Curtir

  5. Comentado por:

    Augusto César

    A meta agora duplicou, vamos afastar não apenas a anta, o chefe das anta também vai ser afastado para sempre, e depois, vamos dobrar a meta, acabando de uma vez por todas com o resto das antas, antes que dê PT !!!!

    Curtir

  6. Comentado por:

    J.B.CRUZ

    J.K ( o Maior ESTADISTA brasileiro de todos os tempos),em sua campanha presidencial, começou a pregar o seu slogan ‘Cinqüenta anos em cinco’; resultado de seu ambicioso ”plano de metas ”, que acabaria pro cumprir integralmente..

    Curtir

  7. Comentado por:

    Ceila Menezes

    O discurso dela e para uma clientela acéfala por isso ela nem se preocupa em ser coerente, vai ser aplaudida da mesma forma.

    Curtir

  8. Comentado por:

    Maria do Carmo

    a meta do povo é ver ela e lula na cadeia e com os bens confiscados e devolvidos para os cofres público

    Curtir

  9. Comentado por:

    olavo

    O que não da para entender é o Michel Temmer ficar tentando colocar panos quentes para entendimentos que não vão acontecer mesmo, principalmente porque o PT sempre foi intransigente e arrogante. Portanto senhor vice não adianta tentar nem pedir cargos, porque voces vão rolar juntos no valo do mar de lama que se instalou no pais que nunca antes viu tanta corrupção. Fora PT mesmo! e o mais rapido possivel, porque quem esta sangrando é o povo entendeu senhor vice?

    Curtir

  10. Comentado por:

    josué luis da silva

    não existe meta, com uma economia parada,em ritimo de recessao.A dilma sai com um processo de impeachment ou renúncia. O BRASIL PRECISA DW UM PACTO NACIONAL .E NOVAS ELEIÇOES.

    Curtir