Globais defendem Mônica Iozzi, condenada a pagar Gilmar Mendes

Nomes como Patricia Pillar, Marcius Melhem e Bruno Mazzeo, entre outros, saíram em defesa de Mônica

A sentença do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), que condenou a atriz e apresentadora Mônica Iozzi a indenizar em 30.000 reais o ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), por ter questionado sua decisão a favor do médico Roger Abdelmassih, acusado de estuprar inúmeras de suas pacientes, repercutiu entre atores da Globo. Nomes como Patricia Pillar, Marcius Melhem e Bruno Mazzeo, entre outros, saíram em defesa de Mônica, que afirma não ter ofendido Mendes, apenas questionado a sua decisão. Em 2009, apesar de condenado a mais de 200 anos de prisão, Abdelmassih teve um habeas corpus concedido por Gilmar Mendes. 

LEIA TAMBÉM:
Monica Iozzi sobre Gilmar Mendes: ‘Não houve ofensa’
Mônica Iozzi é condenada a indenizar Gilmar Mendes: R$ 30.000
Despedida de Monica Iozzi do ‘Vídeo Show’ tem lágrimas e karaokê

Mendes, que pedia 100.000 reais por danos morais no processo contra Iozzi, foi questionado — “cúmplice?” — pela atriz no Instragram. “Gilmar Mendes concedeu Habeas Corpus para Roger Abdelmassih, depois de sua condenação a 278 anos de prisão por 58 estupros”, escreveu a ex-âncora do Vídeo Show.

Confira abaixo os posts de defesa dos atores, no Twitter e no Instagram:

 

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Risonaldo Jr.

    Meu questionamento é se esses apoios se converterão em vaquinha para pagar a dívida.

    Curtir

  2. Jose Gilberto

    Quem se sentir ofendido ajuda ela a pagar a indenização, como sempre todo mundo apoia mais na hora de soltar a grana, a conversa muda de figura.

    Curtir

  3. Aparentemente, expressar uma opinião agora resulta em multa. Ela não deve pagar nada, mas apelar da sentença. Chegando no supremo certamente o coretíssimo Lewandowski vai defendê-la contra o ofendido Gilmar. Senão, ela pode apelar para o humilde Marco Aurélio ou o renomado jurista Dias Toffoli.

    Curtir

  4. Jeferson Carvalho

    Imagina ai se todo magistrado fosse punir seu empregador por danos morais por não concordar com uma sentença que ele deferiu!!! Já não basta ganhar absurdos e possuir todas as regalias ainda tem que desdenhar o povo até a morte. Um absurdo uma coisa dessa. E acho que quem defende estuprador deveria colocar um em sua casa pra tomar conta de seus filhinhos pra poder justificar a alta confiança que eles tem nesse “HONROSO CIDADÃO ESTUPRADOR”, faça-me favor!!!!!!!

    Curtir

  5. Adeildo santos

    Agora imaginem só quando a censura virar lei na internet também , e isso não vai demorar muito não….

    Curtir

  6. ViP Berbigao

    Sei não, a ditadura da toga está a pleno vapor no Brasil. Vai da OAB atá juiz substituto meus caros. Abre o olho boca aberta! Eles são “Essenciais ao Estado e à Justiça” nós somos os imprestáveis e sem notório saber jurídico que levamos chicotada no lombo e vivemos atrás das grades contra ladrões. Não temos que opinar nada. Tem é que ficar de bico calado!

    Curtir

  7. Deve pagar, devia moderar suas palavras,destrambelhada e abusada.Quanto aos seus defensores, a maioria Sao beneficiados da lei Rouanet, corporativistas ou petralhas.

    Curtir

  8. Seus defensores(do meio artistic) ou beneficiados da lei Rouanet,petralhas ou corporativistas. Deve pagar, POR ser destrambelhada, abusada e mal educada…

    Curtir

  9. Os do meio artistico,Sao os de sempre corporativistas, ou petralhas. A artista(?) e destrambelhada e mal educada, sem limites.Deve pagar !

    Curtir

  10. Cesar8002UTB

    Que surpresa! Um bando de petistas, defensores de marginais, comunistas caviar (mas que todo mês querem o gordo salário da capitalista Globo em suas contas bancárias) falando besteira e sendo idiotas!

    Curtir

  11. Acham que podem tudo por serem artistas e se esconderem atrás de uma empresa. Se vocês apoiam, façam o que ela fez e depois separem mais 30 mil, seus trouxas!

    Curtir