Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Transmissão da Covid tem alta expressiva no Brasil, diz Imperial College

Agora, o Rt, que é o índice que mede a transmissão, está em 1,13, ante os 1,02 e 1,03 apresentado em dias anteriores

Por Da Redação 2 mar 2021, 20h24

Nesta terça-feira, dia dois de março, a universidade britânica Imperial College, que monitora desde o início da pandemia o avanço da Covid-19, alertou que a taxa de transmissão no Brasil teve uma alta expressiva, chegando a 1,13. Esse número significa que cada 100 pessoas infectadas no país contaminam, em média, outras 113.

Já a OMS alertou para o número de vítimas no Brasil, afirmando que mais de 12% das mortes no mundo estão acontecendo por aqui. O país foi uma das nações responsáveis por interromper o período de seis semanas consecutivas de queda de casos no mundo. Entre os dias 21 e 28 de fevereiro, o número de casos do planeta voltou a registrar alta, apesar das mortes continuarem caindo.

Nas últimas 24 horas, foram registrados 59.925 novos casos de coronavírus e 1.641 mortes causadas pela doença, de acordo com dados do Ministério da Saúde. No total, o país acumula agora 10.646.926 infectados e 257.361 óbitos. A média móvel dos últimos sete dias é de 55.579 casos e de 1.262 mortes. No Brasil, 7.065.137 pessoas receberam a primeira dose e 2.143.238 a segunda. No mundo, 245 milhões de doses de vacina contra a Covid-19 já foram aplicadas.

Leia mais sobre a pandemia de coronavírus: http://abr.ai/coronavirus-ultimas

Continua após a publicidade
Publicidade