Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Rosely Sayão: Como lidar com o desejo sexual dos filhos

Rosely Sayão explica como ajudar quando os filhos começam a acessar pornografia na Internet

Por Da Redação 21 set 2018, 10h00

No ‘Família’ desta semana, Rosely Sayão responde a pergunta enviada pela Elisângela, de Santa Albertina, em São Paulo. Ela conta que seu filho de 11 anos vive trancado em seu quarto e que gasta muito tempo durante o banho. Elisângela decidiu fazer uma vistoria no celular do filho e descobriu que ele acessa conteúdos pornográficos. “Entendo que é uma curiosidade para a idade dele. Eu e o pai conversamos muito sobre o assunto, mas não sei como agir”, diz Elisângela.

No programa, a psicóloga explica que quando as crianças chegam na adolescência é comum que o primeiro contato de sexualidade seja focada ao órgão sexual. “É normal que os filhos explorem essas sensações tão novas e diferentes para a idade deles”, afirma.

Rosely alerta aos pais que é impossível proibir ou coibir que os filhos assistam a esse tipo de conteúdo na internet. “É muito difícil, principalmente no mundo de hoje, no qual a sexualidade está presente em todos os lugares”. Para a especialista, é importante que a família foque na conversa e na orientação aos adolescentes, explicando aos jovens que a pornografia não transmite a realidade de uma relação sexual. “A orientação é importante, mas talvez essa fase persista por um tempo até o seu filho se encantar pelos relacionamentos de verdade”, opina.

Quer mandar sua dúvida para a psicóloga Rosely Sayão? Acesse: http://abr.ai/Sayao

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade