Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

William Waack concede a primeira entrevista após sair da Globo

Na íntegra: O ex-âncora do Jornal da Globo falou com exclusividade ao colunista Augusto Nunes após ser acusado de fazer comentários racistas

Por Da Redação Atualizado em 10 dez 2018, 14h25 - Publicado em 15 jan 2018, 16h07

O jornalista William Waack, ex-âncora do Jornal da Globo, falou pela primeira vez sobre a sua demissão na emissora. Ele foi desligado do canal em dezembro depois que um vídeo vazado na internet mostra o ex-âncora do Jornal da Globo fazendo comentários racistas. A VEJA, William Waack voltou a afirmar que não é racista. “Entre amigos, quem não fala merda?”, argumentou. “Fui um idiota.” Waack também reconhece que não dimensionou o poder que um comentário poderia ter na internet. “Eu acho que preciso reconhecer que me faltou sensibilidade que uma bobagem poderia ter um alcance muito grande.”

O jornalista também voltou a pedir desculpas pelo comentário. “Novamente eu peço desculpas com toda a sinceridade. Eu não tinha intenção alguma de ofender ninguém”, disse. “Eu sou um brasileiro normal, falo bobagem entre amigos, sem que eu esteja acreditando naquelas bobagens que eu estou dizendo.”

Publicidade