Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

‘Soltura de Dirceu não é prejudicial à Lava Jato’

Segundo o cientista político Sérgio Praça, o que se vê no Supremo Tribunal Federal é apenas a 'etapa final' das investigações

Por Da Redação Atualizado em 29 jun 2018, 20h45 - Publicado em 29 jun 2018, 20h41

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) soltou, na última terça-feira, o ex-ministro José Dirceu (PT), condenado em segunda instância a 30 anos e 9 meses de prisão. Ele é acusado de ter recebido propina da empreiteira Engevix, por meio de contratos da Petrobras. A medida foi analisada, por alguns, como uma ameaça à Operação Lava Jato, mas não é vista da mesma forma pelo cientista político e colunista de VEJA Sérgio Praça.

Segundo ele, a Lava Jato é “um conjunto de operações bem sucedido que implica a diminuição da impunidade”. “O que nós vemos [de julgamento] no Supremo Tribunal Federal é a etapa final”, diz. Para o cientista político, a Lava Jato seria enfraquecida se o Supremo decidisse rever a decisão que permitiu a prisão após condenação em segunda instância.

Praça também comentou que é importante se atentar à composição da Segunda Turma. O colegiado é formado pelos ministros Edson Fachin, Celso de Mello, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Dias Toffoli. De todos, apenas Edson Fachin tem uma visão “punitiva” na análise de Praça. “Por ter sido indicado pela ex-presidente Dilma Rousseff, esperava-se que Fachin tivesse uma simpatia um pouco maior pela esquerda”, o que não aconteceu, como mostram as recentes decisões do ministro.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)