Clique e assine a partir de 9,90/mês

Alckmin: a ‘unidade pacificadora’ do PSDB

Acompanhe a análise do cientista político Sérgio Praça sobre o acordo com o governador de São Paulo para a presidência do partido

Por Da Redação - Atualizado em 10 dez 2018, 14h26 - Publicado em 1 dez 2017, 22h13

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, deve assumir a presidência do PSDB na próxima Convenção Nacional, marcada para o próximo dia 9. O cientista político e colunista de VEJA Sérgio Praça comenta o desafio do tucano de pacificar o partido em meio a uma de suas maiores crises.

 

 

Publicidade