Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Somos todos Charlie

A França caça os terroristas que assassinaram nesta quarta-feira doze pessoas em Paris, entre elas quatro jornalistas da revista Charlie Hebdo. Os EUA já ofereceram ajuda. Hoje todos os que defendem a liberdade de expressão foram atacados. O colunista Caio Blinder comenta o impacto mundial da tragédia.

Por Da Redação Atualizado em 10 dez 2018, 16h08 - Publicado em 7 jan 2015, 15h51
Publicidade